Siga-nos

OiCanadá

Lazer

Orla do Lago Ontário ganha cara diferente durante o inverno

Orla e inverno é quase uma redundância gelada. O Lago Ontário nesta época do ano arrepia só de olhar. Não arrisco nem colocar os pés nele, e com botas. Mas, pra evitar toda essa invernofobia, bolaram um concurso de Design de Instalações de Inverno, o Winterstations, que está no seu terceiro ano. As criações vencedoras vão estar por lá.

De 20 de fevereiro até 27 março, várias instalações artísticas vão dar uma cara mais “vem que vale a pena” ao Waterfront – de Woodbine até Balmy Beach Park. E o negócio é internacional – tem artistas, designers e arquitetos de tudo quanto é canto e imaginação. O tema é re-uso, além de mostrar que o Lago Ontário também é legal no friozão. As principais obras que você verá por lá são estas:

  • I See You Ashiyu

Um bancão pra você sentar e colocar seus pés pra esquentar – um escalda-pés gigante, como diria minha avó. Obra de uns japoneses pra promover a interação social enquanto sentado esquentando os pés, não necessariamente nesta ordem.

  • North

Imagine aquelas prateleiras do WalMart com seus pinheirinhos de Natal, só que de cabeça pra baixo. Segundo eles, trata-se da inversão do inverno. Oi? Arte, meu chapa.

  • Collective Memory

Dois muros bem altos, feitos com garrafas de vidro dando uma sensação dos limites da cidade e/ou natureza, mas permeadas por pessoas com suas histórias – no caso, você.

  • BuoyBuoyBuoy

Uma bola gigante – ou o Buoy da Cara Preta – onde você entra em seu interior, da bola ou do boi ou do Buoy, com uma linha de labirinto, mas transparente e reflexivo – ou para refletir, onde cabe a você decidir o seu momento, ou do Buoy.

  • The Beacon

Pra quem já assistiu “2001 – Uma odisséia no espaço”, vai lembrar muito do monolito que o Kubrick colocou no filme. Mas, na verdade, é um “farol” de madeira, que serve de repositório de roupas pra doação.

  • Flotsam and Jetsam

Não, não se trata de uma homenagem aos Jetsons. Ou, sim. Não sei. Parece a Torre de Babel ou uma escada não-rolante para o céu infinito ou um arquétipo de dinossauro ou tudo isso junto – é o Flotsam and Jetsam.

  • The Illusory

Vou só descrever a explicação dos artistas: “Painéis lineares reflexivos que vão te desafiar a pensar sobre tudo que é e o que pode ser quando o assunto é realidade”, explicação dos caras. Que medo!

  • Midwinter Fire

A instalação pretende recriar a experiência imersiva de termos, como já tivemos um dia, uma floresta na cidade e o poder que esse ecológico causa no urbano. Legal.

Para mais informações, visite o site do Winterstations.

Clique para comentar

Deixe um comentário

Continue lendo
Publicidade
Leia também...
Pablo Marcelo

Paulistano de berço (São Paulo), Filósofo de formação (Unicamp), Blogueiro dedicado (Blog Numa Fria), Descobridor de Toronto em família (2014).

Mais em: Lazer

Posts Populares

Topo

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!