Siga-nos

OiCanadá

Cultura

Por que o aniversário do Canadá é dia 1º de julho mesmo?

Sabe aquele lenda de que o Jesus nasceu no dia 25 de dezembro, mas só que não? Então, o tal “aniversário” do Canadá foi dia 1º de julho, mas só que não. Dizem as más línguas que a data contida na certidão de nascimento do país—o British North America Act—não é bem esta. Mas, então, por que diachos cantamos parabéns pro Canadá no dia 1º de julho?

Se formos fuçar lá atrás, no tempo em que tudo era neve e aborígenes, já começam as controvérsias. Quem tava aqui primeiro, quem não tava. Tipo todo dia era dia do índio. Aliás, por estas e outras, rolou uma tensão nestes últimos dias lá em Ottawa. Aborígenes silenciados lá atrás, colocados fora da mesa, como coadjuvantes da história, dizem que esse treco de aniversário não tem nada a ver, quanto mais no dia 1º de julho ou qualquer dia do ano, afinal essas terras já existiam muito antes de 1867.

Fora isso, tem aqueles que comemoram umas outras coisas no dia 1º, como em Montreal com o Dia da Mudança (ou Dia do Inquilino). Oi? Sem contar, uma Festa Nacional que rola em Quebec, só que no dia 24 de junho, pra comemorar o São João Batista! Oi? Festa Nacional, em Quebec, pra São João? Tem fogueira e quentão também? Vocês estão sentindo a complicação da coisa?

Parece que tudo começou a ficar mais extenso e claro mesmo, digo nacional e oficial, pro país todo, lá por 1927, quando o Primeiro Ministro William Lyon Mackenzie, nos 60 anos do Canadá, achou que deveria rolar um festão para celebrar a data da Confederação do Canadá, mas não só em Ottawa. Legal. Quando chegou em 1967, nos 100 anos, aumentaram ainda mais o bolo, compraram mais bexigas e oficializaram o Canada Day em 1º de julho. Mas, só que não.

A verdade é que a papelada mesmo foi assinada, pela rainha Victoria, no dia 29 de março de 1867. Daí deram 6 meses pro Canadá botar ordem na casa e virar Canadá de verdade. Só que dois meses depois, no finzinho de maio, alguém decidiu, sei lá por que, que o dia 1º de julho seria o grande dia: o Dia da Independência. Agora, qual a razão, a matemática, a lógica, o motivo desta data, ninguém sabe. Talvez tenha sido aquele cara do cartório, que coloca nome estranhos nas pessoas, que escreveu 1º de julho lá e assim ficou.

Mas, na boa, ninguém quer tanto saber com quantos quilos nasceu, se tinha a cara da mãe ou do pai, se o nome era pra ser Kanadá ou coisa do tipo. O que a gente sabe é que o país tá aí, fortão, com boa saúde, cheio de energia pra comemorar seus 150 anos de vida solo. E se a festa vai ser todo dia 1º de julho, que seja. Tendo bolo, brigadeiro e bexiga, a gente tá dentro. Feliz Aniversário, Canadá!

Clique para comentar

Deixe um comentário

Continue lendo
Publicidade
Pablo Marcelo

Paulistano de berço (São Paulo), Filósofo de formação (Unicamp), Blogueiro dedicado (Blog Numa Fria), Descobridor de Toronto em família (2014).

Mais em: Cultura

Posts Populares

Topo
error: Conteúdo Protegido

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!