Siga-nos

OiCanadá

Educação

Experiência de Intercâmbio: Cristiano Silveira

Meu nome é Cristiano, tenho 29 anos, sou formado em Sistemas de Informação e sou um apaixonado pelo Canadá, em especial pela cidade de Toronto. Em 2008, quando comecei a planejar minha primeira viagem de intercâmbio, ir para o Canadá nem passava pela minha cabeça, mas devido aos altos preços de se estudar inglês na Europa, este lindo país começou a me interessar.

Após, então, decidir ir para o Canadá, outra dúvida surgiu: ir para Toronto ou para Vancouver? As duas cidades que a maioria das agências de intercâmbio oferecia. Resolvi ir para Toronto por ficar perto de Nova Iorque. Através da escola de idiomas poderia fazer um passeio de final de semana para lá.

E aqui vai minha primeira dica, para visitar os Estados Unidos é preciso sair do Brasil com o visto!

Devido às aulas da graduação e o meu trabalho aqui no Brasil, eu só poderia ficar um mês no exterior e teria que ir em um período de férias no Brasil. Então decidi ir em julho e não enfrentar o frio canadense.

Cheguei no dia do meu aniversário, 10 de julho e fui recepcionado com um “Feliz Aniversário” num português enrolado, mas muito carinhoso do senhor, muito simpático, dono da casa onde fiquei. E no final da tarde daquele dia ainda ganhei uma festinha de aniversário com direito a presentes e um bolo muito gostoso. A família era composta por um casal de senhores e seu filho.

Decidi ficar em casa de família, ao invés de casa estudantil, pois eu queria conhecer o cotidiano de uma família canadense. E eu fui muito bem recepcionado. Até hoje mantenho contato com a senhora dona da casa que é muito querida e foi muito atenciosa comigo quando cheguei à sua casa me mostrando o bairro e as moedas canadenses!

Viver em Toronto por apenas um mês foi ótimo! Não foi o suficiente para transformar meu inglês em algo fluente, mas já ajudou bastante. Toronto é a maior cidade canadense, mas é muito organizada, limpa e fácil de se localizar, não tem como se perder! O sistema de transporte é excelente e com um passe mensal você pode andar no metrô, bondinho (streetcar) e ônibus livremente.

Há muito para se ver e viver em Toronto. Antes de ir, eu me preparei vendo muitos vídeos sobre a cidade e estudando mapas de locais turísticos e de transporte. Isso poupa um tempo enorme para quem não tem muito. Saber onde ir e como ir é uma ótima dica que deixo aqui! No site da TTC (empresa responsável pelo transporte público) é possível fazer download do mapa do metrô e dos ônibus.

No site da prefeitura tem ótimas dicas e mapas de locais turísticos. Comprar um CityPass (passe para 5 atrações turísticas na cidade por um preço menor) é um outra dica.

Toronto também é umas das cidades mais seguras do mundo, então andar de madrugada a pé ou no Blue Night (ônibus noturno) é tranquilo.

Pela escola, ainda visitei o Algonquin Park, um belo parque onde pude andar de caiaque, e também visitei as cidades de Montreal e Québec, uma das cidades mais belas que já vi.

Algonquin Park

Enfim, o Canadá é espetacular e ainda tenho muitas saudades de lá. Saudade que pretendo matar em breve voltando para visitar a família onde fiquei e os lugares por onde passei.

Continue lendo
Publicidade
Leia também...
2 Comentários

2 Comments

  1. chris

    19/fev/2014 at 07:07

    olá!
    Qual o tipo de visto vc utilizou?

  2. Meri Mazzeo

    23/jan/2014 at 13:52

    Boa tarde, Cristiano!
    td bom?

    Vou para Toronto este ano e tenho receio de ficar em uma casa ( com uma família) não muito legal! Vc poderia, por favor, enviar os dados da sua homestay? Queria verificar com a escola se ela está cadastrada e assim pedir a indicação.
    Muito Obrigada,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Educação

Posts Populares

Topo