Siga-nos

OiCanadá

Educação

Teste seu nível de inglês ou francês de graça neste site do governo canadense

O governo federal, em parceria com o governo de Ontário, mantém um site que oferece um teste gratuito onde qualquer um pode avaliar seu nível de domínio tanto do inglês quanto do francês, a qualquer hora e de qualquer lugar do mundo.

O teste do site é baseado no Canadian Language Benchmarks. O CLB estabelece os parâmetros de proficiência dos dois idiomas nacionais para adultos e é usado pelo governo do Canadá, vários colleges e universidades e até certos ambientes de trabalho para determinar o nível do inglês e/ou do francês das pessoas.

O que o teste do CLB tem de diferente de vários outros que existem no mundo é que ele não está muito interessado em gramática por si só. O seu foco está é na competência das pessoas para lidar com tarefas do dia a dia, como fazer uma entrevista de trabalho pelo telefone, resolver qualquer pendência com um vizinho e outras coisas normais do dia-a-dia. Por isso mesmo o CLB divide o domínio da língua em três estágios e 12 níveis, enquanto avalia a capacidade da pessoa em termos de leitura, escrita, fala e compreensão oral.

Para acessar o teste e fazer uma auto-avaliação seguindo os princípios do CLB, só é preciso se cadastrar no site. Depois os sistema lhe dará 60 minutos, sem direito a pausas, para completar todas as seções. Ao final, o computador vai gerar uma nota aproximada que informará, em linhas gerais, quanto você ainda precisa melhorar. Mas atenção: não confunda esta informação com um resultado oficial — a nota apresentada só vale para dar uma ideia do seu nível.

Antes de começar o teste, cheque primeiro se o seu computador tem todos os requisitos necessários para que tudo funcione direitinho clicando em: Technical Requirements. Escolha um local tranquilo e um momento em que você tenha certeza de que não haverá interrupções. Tenha em mãos também um fone de ouvido e imprima antes a Note Sheet que eles oferecem. Ela será útil nas questões de compreensão oral.

Não use dicionários ou qualquer outra forma de ajuda externa porque, na vida real, você não terá esta chance. E não pule questões — se não souber, é melhor chutar. Também não se esqueça de que é possível repetir o teste. Ou seja, você pode continuar estudando, aprimorando e checando de vez em quando o seu progresso. E tudo isso… sempre de graça!


2 Comentários

2 Comments

  1. Sofia Silva Queiroz

    01/fev/2019 at 14:41

    eu quero muito aprender a falar inglês

  2. Dra, Terezinha Nogueira

    31/jan/2019 at 14:33

    Compartilhei no facebook. Já morei 2 vezes em Toronto. Fiz minha tese de pós-doutorado aí. Tenho dois filhos interessados em morar Aí. São fluente em inglês. E um deles também em francês.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Educação

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Posts Populares

Topo