Siga-nos

OiCanadá

Trabalho

Empresas da capital do Québec têm vagas para brasileiros com entrevistas já em fevereiro

A agência de desenvolvimento econômico da região onde fica a capital da província do Québec tem organizado recrutamento de trabalhadores qualificados que queiram imigrar para a área desde 2008. Durante a pandemia, a organização ficou menos ativa, mas acaba de voltar à carga com uma nova jornada de contratação. Veja aqui quem pode se candidatar e o passo a passo para se dar bem nesse processo.

Desta vez, são 324 vagas de trabalho disponíveis e que passeiam por várias áreas, com a maior parte delas pertencendo à TI (161), manufatura (94), transporte/mecânica e soldagem (59), e ainda hotelaria, restaurantes e comércio (21). O processo de inscrição é todo gratuito e ninguém precisa contratar intermediários. As pessoas também podem se candidatar a um ou mais cargos e só não vale fazer mais de uma candidatura por empresa. E para você conferir todas as oportunidades, basta clicar aqui.

Quem encontrar uma posição interessante, deve, então, criar um perfil no Québec En Tête  e seguir a instruções e formalizar sua candidatura. Mas atenção: vale a pena analisar bem as características e exigências de cada oferta, porque candidatos superqualificados ou com formação e/ou experiência não relacionada à vaga serão desqualificados. E o mesmo vai acontecer com quem não cumprir todos os requisitos listados.

Por outro lado, quem não conseguir achar uma oferta que seja a sua cara, não precisa desanimar. É possível abrir uma conta na plataforma da agência e deixar por lá seus dados completos porque eles mantêm um banco de candidatos que podem se encaixar em futuras vagas.

Datas importantes e exigências linguísticas

Os contratantes aceitam receber candidaturas até o dia 24 de janeiro de 2022. Depois, entre 1º e 8 de fevereiro, as pessoas escolhidas receberão convites para as entrevistas que acontecerão on-line com os recrutadores das empresas entre os dias 14 e 25 do mesmo mês.

Existem apenas cinco vagas que não exigem domínio do francês. Depois, são 17 que aceitam pessoas com conhecimentos básicos da língua oficial da província, 156 para quem tem nível intermediário e ainda 146 para os que já têm um francês avançado. No entanto, a criação do perfil, o currículo e tudo mais precisam ser feitos na língua francesa.

Para ajudar, o próprio Québec En Tetê recomenda, em português, alguns caminhos gratuitos e cursos pagos (mas com descontos) para quem precisa aprimorar seus conhecimentos da língua. E lembra ainda que pode ser interessante pesquisar e se familiarizar com os termos franceses comuns ao cargo almejado.

Além disso, eles indicam um vídeo (em francês) que dá dicas sobre como se faz currículos por aqui e um outro (também em francês) explicando o passo a passo da abertura de perfil no site deles.

Preparação para entrevista

Para quem chegar a esta etapa, é importante não esquecer de visitar o site da empresa recrutadora e se inteirar melhor sobre o campo de atuação, tamanho da companhia, localização e tudo mais. Também pode ser útil pesquisar um pouco sobre a cidade de Québec e a região ao seu entorno. Já na hora H do encontro, o ideal é ter garantia de uma boa conexão de internet num ambiente neutro e bem iluminado, onde impere a calma, o silêncio e não existam chances de interrupções. 

Para saber mais

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Trabalho

Topo