Siga-nos

OiCanadá

Vistos e Imigração

Canadá abre portas para graduados internacionais em Engenharia

[ARTIGO TRADUZIDO DA CANADIAN IMMIGRANT] Enquanto em alguns países basta ter um diploma em engenharia para ter o direito de praticá-la, o Canadá exige que engenheiros sejam licenciados por um orgão regulador provincial ou territorial. Cada província e território tem seus próprios requisitos de licenciamento e, por que até pouco tempo atrás não existia um guia abrangente com informações a respeito do assunto, muitos diplomados internacionais em Engenharia estavam vindo para o Canadá mal informados sobre o que é realmente necessário para trabalhar aqui.

Futuros imigrantes agora já podem acessar um site que possui todas as informações sobre como conseguir a licença para praticar Engenharia no Canadá, e então tomar as devidas decisões. Crescendo em popularidade desde o seu lançamento em janeiro de 2013, o site Engineers Canada Roadmap to Engineering in Canada já contabilizou um total de 26.172 visitantes, com aproximadamente um quarto deles tendo retornado ao site outras vezes.

O site oferece ao imigrante informações de alta qualidade sobre os passos a serem tomados antes que ele venha para o Canadá. Através do material disponibilizado, é possível entender como a experiência de trabalho e educação são avaliadas, como a profissão de engenheiro é regulamentada no país e muito mais – essencialmente, tudo o que o engenheiro precisa saber para ter sua licença em mãos e conquistar seus objetivos de carreira no Canadá o mais rápido possível.

“Este novo site dá aos engenheiros diplomados internacionalmente um lugar onde eles possam ir e conseguir informações consistentes sobre a engenharia no Canadá”, diz Kate MacLachlan, diretora de revisão acadêmica da Associação de Engenheiros e Geocientistas de Saskatchewan. “Eles podem ter uma noção completa do processo de licenciamento antes de virem para o Canadá, o que os torna mais bem preparados e facilita bastante o processo pelo qual terão que passar ao chegarem aqui.”

Por exemplo, em uma página do site chamada “Academic Information Tool”, o candidato podem ver como a sua graduação se compara com os programas de engenharia canadenses e se a sua formação é suficiente para iniciar o processo de licenciamento. Ao utilizar a ferramenta, ele ganha uma melhor compreensão de como seu conhecimento e experiência serão “traduzidos” para o mercado canadense.

O site também vai ajudar graduados internacionais em engenharia a entenderem as recentes alterações feitas no programa de imigração Federal Skilled Worker Program (FSWP) relacionadas à avaliação de proficiência de idioma e de formação acadêmica.

Contexto para trabalhar no Canadá

O site vai bem mais além da questão do licenciamento. Ele também oferece informações sobre imigração para o Canadá e adaptação à cultura do local de trabalho, um grande desafio para muitos graduados internacionais em engenharia, incluindo depoimentos de engenheiros sobre a experiência de conquistar a licença canadense.

Para Marcia Friesen, diretora do Programa de Qualificação de Engenheiros Educados Internacionalmente da Universidade de Manitoba, a adaptação cultural resume-se à capacidade de comunicação de uma pessoa. “Vemos pessoas com excelentes qualificações, mas que não conseguem se adaptar e se encaixar no contexto canadense da mesma forma como conseguem com suas habilidades técnicas”, diz ela. “Mesmo se esforçando, muitos profissionais acabam comprometendo seus empregos.”

O site pode ajudar o engenheiro internacional com dicas sobre esses desafios de integração, e colocá-lo no caminho certo para conseguir um emprego em sua área de atuação.

Bom para os negócios, bom para o Canadá

Proporcionar melhores informações aos graduados internacionais em engenharia é apenas um dos objetivos do site. Para Friesen, MacLachlan e o resto do National Advisory Committee, que ajudou a desenvolver o site, o objetivo final do projeto –trazer mais profissionais qualificados e integrá-los ao mercado de trabalho– significa bons negócios para o Canadá.

Izabela Witkowska concorda. Engenheira de Aeronavegabilidade com a certificação StandardAero de Winnipeg, ela imigrou da Polônia para o Canadá em 1990 e não pensa duas vezes antes de afirmar que se ela não tivesse sido capaz de obter sua licença aqui, provavelmente estaria contribuindo para a economia de algum outro país durante as duas últimas décadas. Ela descreve o site como “uma porta que abre outras portas”, uma ferramenta que beneficia os graduados internacionais em engenharia, e o Canadá como um todo.

“Talvez agora os engenheiros que já estão no Canadá, e que não exercem a profissão, terão informações suficientes para voltar a atuar no ramo da engenharia”, diz Witkowska. “Existem muitas pessoas inteligentes que estão chegando e vivendo nesse país. Não é tarde demais para trazê-los de volta à suas profissões e aproveitar seus conhecimentos.”

[ARTIGO TRADUZIDO DA CANADIAN IMMIGRANT]

Continue lendo
Publicidade
Leia também...

Mestre em Estudos de Tradução, Loretta Murphy é tradutora juramentada no Canadá, com 15 anos de experiência na área. Ela é canadense e viveu no Brasil por mais de 6 anos, além de ter vivido também no México e no Japão. Entre os serviços que presta estão as traduções certificadas do Português para o Inglês e do Espanhol para o Inglês de todos os tipos de documentos, inclusive: Certidões de Antecedentes Criminais, Títulos e Certificados Acadêmicos, Históricos Escolares, Documentos Legais e Médicos, Carteiras de Motorista, Certidões de Nascimento, Certidões de Óbito, Certidões de Casamento e Certidões de Divórcio.

3 Comentários

3 Comments

  1. Victor

    08/dez/2015 at 15:08

    Boa tarde.

    Sou engenheiro mecânico recém formado com dois anos de experiência de carteira assinada na aérea. Tenho inglês intermediário com certificado toefl, e visto americano por 10 anos. Atualmente trabalho na Fiat automóveis na área de gerenciamento de projetos, porém gostaria de morar fora por um tempo indeterminado, buscando uma oportunidade de trabalho com atuação na minha área de formação, além de estudar e aperfeiçoar os meus conhecimentos da língua inglesa.

    Caso seja possível peço que entrem em contato para avaliarmos as reais possibilidades e custos para um intercâmbio desta natureza.

    Obrigado.

  2. Ademir lima

    20/Maio/2014 at 18:58

    Ademir lima, graduado em engenharia civil,pretendo fazer um intercambio cultural em ingles gostaria de saber mais sobre o assunto.Eng civil no Canada.

  3. Leandro Sabino de Oliveira

    20/Maio/2014 at 09:43

    Sou desenhista projetista e trabalho na empresa Planex S/A Consultoria de Planejamento e Execução no desenvolvimento de projetos de rodovias, ferrovias. E também tenho conhecimento na área de projetos arquitetônicos e estou cursando a faculdade de Designer de interiores e Gostaria muito de ter a oportunidade de trabalhar no Canadá, pois assim estarei realizando um sonho que tenho de conhecer um dos melhores países do mundo para se viver, alem de agregar no meu conhecimento profissional e pessoal.

    Desde já agradeço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Vistos e Imigração

Posts Populares

Topo