Siga-nos

OiCanadá

Vistos e Imigração

New Brunswick lança imigração para alunos de private career colleges

A província anunciou recentemente que passará a aceitar formados de quatro colleges privados da região através de um programa piloto desenhado para ajudar a preencher vagas estratégicas do mercado de trabalho local.

A novidade entrará em vigor no dia 1o de abril de 2022 e permitirá que os candidatos à imigração morem e trabalhem em New Brunswick enquanto aguardam a conclusão do processo. Poderão participar deste programa piloto quem se formar no Atlantic Business College em Fredericton, em um dos quatro campi do Eastern College (em Moncton, St. John e Fredericton), McKenzie College em Moncton e Oulton College também em Moncton.

No total, são 19 ocupações possíveis: 

  • social and community service workers
  • early childhood educators and assistants
  • educational assistants
  • health-care aides
  • home support workers
  • licensed practical nurses
  • paramedics and related occupations
  • medical laboratory technologists
  • medical laboratory technicians and pathologists’ assistants
  • medical administrative assistants
  • computer programmers and interactive media developers
  • web designers and developers
  • computer network technicians
  • user support technicians
  • accounting technicians and bookkeepers
  • payroll clerks
  • shippers and receivers
  • supply chain and logistics supervisors
  • production logistics co-ordinators

A província

New Brunswick é a única província canadense oficialmente bilíngue, sendo 33% da sua população considerada francófona — e com assentamentos sobretudo mais ao norte. O número total de habitantes não chega a 800 mil e por isso mesmo as suas principais cidades são pequenos paraísos onde se encontra de tudo, mas principalmente um ambiente pacato aliado a um grande senso de comunidade. 

A capital de NB é Fredericton, que tem pouco mais de 56 mil habitantes. E a mais antiga e mais populosa cidade, Saint John, também não vai muito além disso, registrando um total de cerca de 70 mil pessoas. A economia da província é baseada em mineração e madeira.

Para saber mais, visite o site da província.

2 Comentários

2 Comments

  1. Simão Narciso Cabingas Margalho

    21/out/2021 at 10:30

    Só de uma família muito pobre i quero me formar para ajudar a minha família.

  2. Felippe

    04/out/2021 at 11:40

    Sobre o programa, cônjuge terá direito a OWP? Entrei nos sites dos colleges em questão, mas apenas um continha o preço dos cursos, e era superior a 13 mil dólares anual. Alguém conseguiu acessar os preços ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Vistos e Imigração

Topo