Siga-nos

OiCanadá

Vistos e Imigração

Canadá aceitará até 1,000 estudantes de doutorado por ano como residentes permanentes

O governo do Canadá anunciou recentemente que o país irá passar a aceitar como residentes permanentes alunos de doutorado com pelo menos dois anos de estudo no país, a fim de impulsionar as áreas da ciência, tecnologia e matemática, onde existe uma escassez de profissionais.

O ministro de Ciências e Tecnologia do Canadá, Gary Goodyear, anunciou que o governo vai expandir a categoria de Skilled Worker Program para incluir estudantes de PhD. Anteriormente, para se tornarem residentes permanentes, esses alunos teriam que se formar, retornar ao país de origem e passar por um processo que levaria anos, o que não fazia sentido, uma vez que são profissionais de alto nível já estão integrados ao Canadá.

Para serem elegíveis para o programa de Skilled Worker, os alunos de PhD precisarão ter feito pelo menos dois anos de estudo com bom desempenho em uma instituição de ensino pós-secundária reconhecida no Canadá, e poderão começar a aplicar a partir do dia 5 de novembro de 2011. Quem tiver se formado há menos de um ano também poderá aplicar pela mesma categoria.

Em contrapartida, uma outra classe de imigrantes será prejudicada: a de familiares que desejam se reunir com seus parentes residentes do Canadá, entre eles pais e avós. O Ministro da Imigração, Jason Kenney, afirmou que infelizmente o Canadá precisará diminuir o número de aceitações de aplicações do tipo family reunion, que já possui uma grande lista de pendências.

Críticos no Parlamento lamentam a diminuição na quantidade de aplicações para family reunion aceitas, porém, dizem que o Canadá precisa aumentar o número de imigrantes da classe “Skilled Workers” logo, pois prevêem a falta de trabalhadores qualificados no país em 5 anos.

O crítico de Cidadania e Imigração do NDP, Don Davies, aplaude a medida. “Este é um bom sistema. Gosto do que estou ouvindo sobre trazermos mais PhDs para o mercado de trabalho canadense… mas isso não deveria ser às custas de outras classes de imigrantes”, diz Davies.

Ele também afirma que o próprio departamento do ministro Kenney reportou que é possível aumentar as metas de imigração, já estáveis há alguns anos. “Como iremos vencer o desafio de trazer trabalhadores qualificados ao país se estamos usando os mesmos números dos últimos cinco anos?”

No ano passado, o Canadá admitiu 280.681 residentes permanentes, um aumento de 11,3% desde 2009. Kenney afirma que nada mudará nas metas para 2012. A meta de receber de 240.000 a 265.000 novos imigrantes no Canadá será mantida pela sexta vez consecutiva.

Rosa da Silva foi representante comercial de várias multi-nacionais no Rio Grande do Sul. Desde sua chegada ao Canadá, acompanhando o marido transferido pela empresa em que trabalha, pensou em trabalhar com compra e venda de casas (real estate). Rosa fez curso para se tornar corretora de imóveis, e após as dificuldades que encontrou em comprar sua primeira casa no novo país, resolveu iniciar um blog em português, o www.casanocanada.com para tentar ajudar a outros brasileiros a entender este complexo e diferente processo da compra da casa própria aqui no Canadá. Rosa possui também um site em inglês, o www.rosadasilvarealestate.com.

12 Comentários

12 Comments

  1. Larissa

    09/fev/2012 at 17:07

    Oi Rosa!

    Meu marido é engenheiro eletricista e com um inglês muito bom.. como é o mercado pra ele aí? Será que ele conseguiria se inscrever numa bolsa de estudos no Canadá daqui? Estamos há um ano pensando na ideia de morar no Canadá, ela vem e vai.. vem de novo e gostaríamos de uma ajuda nessa questão.
    Como fica a questão do reconhecimento do diploma dele?

    Espero que vc me responda.. beijos.

  2. Bruno Labre

    04/dez/2011 at 18:22

    É o negócio está feio aqui mesmo! Nós pagamos impostos absurdos e não temos direito a segurança, educação e saúde de qualidade! É por isso que eu quero muito morar na Austrália ou no Canadá! Eu amo o Brasil mas desse jeito não dá!

  3. Joao

    27/nov/2011 at 08:58

    Eu moro nos EUA. Outro dia vi um documentario que mostrava que no Canada e’ comum deixar a porta da casa destrancada, coisa impensavel nos EUA. Se eu fosse jovem tentaria ir para o Canada.

  4. Magaly

    07/nov/2011 at 07:17

    É interessante ver qnas mesmas áreas que ue o Canadá tem carência nas mesmas áreas que o Brasil: ciência, tecnologia, matemática e acrescento engenharias aqui em terras tupiniquins. A pessoa que for bastante habilitada e ainda tiver traquejo com o inglês poderá não apenas ficar no Canadá mas fazer uma ponte Canadá- Brasil.

    Oportunidades futuras surgem. Juntar o Brasil da economia emergente com o Canadá que anseia ser um “tigre” do Norte pode dar um bom samba!

  5. Ricardo

    06/nov/2011 at 18:47

    Mudei com minha família para cá a 4 anos e foi a melhor coisa que já fiz: Segurança, Honestidade, Educacão e Integridade é o que vivenciamos todos os dias.

    • Rosa da Silva

      06/nov/2011 at 20:28

      Oi Ricardo, que bom ouvir isso. Que você e sua familia continue a ter uma vida muito boa aqui no Canadá. Um abraço, Rosa

    • Bruno

      07/nov/2011 at 08:31

      Ricardo, como está o mercado para imigrantes engenheiros?

  6. Lu

    04/nov/2011 at 11:20

    O governo de Ontario está com um programa para estudantes de mestrado que ficam elegíveis ao Provincial Nominee.

    http://www.ontarioimmigration.ca/en/pnp/OI_PNPSTUDENTS_MASTERS.html

    • Rosa da Silva

      06/nov/2011 at 20:27

      Oi Ricardo, pois é, eu já sabia porém agora é em todo o Canadá e creio que será mais facilitado. Que bom né? Um abraço, Rosa

  7. Bruno

    04/nov/2011 at 10:43

    O grande sonho de mihha vida: ir morar nesse maravilhoso país.

    Não me importa se o povo é indiferente ou o clima ser frio se o Canadá oferece um dos maiore IDH’s do mundo; Segurança (com “s” maiúsculo) aos seus cidadãos; ótimas escolas; aplicação das leis; urbanização, etc.

    Cá no Brasil estamos a vôo de galinha em todos os aspectos há muitos anos… e o povo ainda acredita nos contos-de-fada dito pelos políticos… é horrível se morar aqui :(

    • Rosa da Silva

      06/nov/2011 at 20:26

      Puxa Bruno, que pena que o Brasil está assim né? Moro aqui há 8 anos e estamos muito felizes com a decisão. Estás aplicando para imigrar? Um abraço! Rosa

      • Bruno

        07/nov/2011 at 17:52

        Olá Rosa.

        Sim. Infelizmente, um país cheio de riquezas naturais e culturais estão sendo esquecidos por toda uma violência e insegurança que esse país atravessa.

        Quem critica brasileiros que preferem viver em outro país têm este como um dos seus discursos mais fortes: “Violência e insegurança tem em qualquer lugar”

        Pura ignorância, né verdade Rosa? Vai se comprar os índices de violência do Brasil com os do Canadá? Por mais que nossa população seja maior? Nada justifica.

        Diante de tudo isso, meu sonho em morar no Canadá já é de muito tempo. Estou me programando para emigrar, no máximo, em 3 anos. Quem quiser ficar nesse buraco chamado Brasil, que fique e boa sorte. Só desejo tudo de bom. Quero viver em um país onde educação, segurança, qualidade de vida e saúde são itens que a população vê de fato – e não em discursos utópicos de políticos.

        Aqui o cidadão de bem está com medo da bandidagem, que só aumenta a cada dia que passa. Do jeito que as coisas vai, a tendência é só piorar. Eu já estou cansado desse país…

        Grande abraço e meus parabéns em morar em um aexcelente país. Tenho inveja – no bom sentido, é claro… ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Vistos e Imigração

Posts Populares

Topo