Siga-nos

OiCanadá

Trabalho

Dicas para escrever o seu “résumé”

Falamos anteriormente da necessidade de se preparar para disputar uma colocação no mercado de trabalho. Comentamos que educação e capacitação estão entre os mais importantes Assets para quem quer fazer parte da força de trabalho canadense.

Então como fazer com que este tipo de informação chegue às mãos de seu potencial empregador?

Acertou quem pensou na palavra résumé.

Résumé é a versão norte-americana do nosso conhecido Curriculum Vitae. Existem várias semelhanças entre eles, mas são as diferenças que realmente importam na hora de criar um bom résumé. E existem várias, como veremos.

O résumé é, antes de tudo, uma ferramenta de venda, onde o produto é você, e o objetivo principal de sua existência é te arranjar uma interview. Por isso, é muito importante que seu résumé se destaque em relação aos demais e faça-se notado num mercado de trabalho tão competitivo quanto o canadense.

Se você pensa em melhorar seu résumé ou adaptá-lo ao padrão norte-americano, fique ligado no OiCanadá, pois traremos aqui, nas próximas semanas, uma série de dicas para que você tenha um résumé turbinado.

Dica 1: Atualize seus dados pessoais

Parece piada, mas alguns résumés não possuem telefones para contato ou email atualizados. E aí, como o empregador vai te achar? Tenha sempre cuidado com este item básico.

Se você não quiser colocar seu endereço completo, não tem problema. Mas pelo menos tente colocar a cidade onde mora, pra facilitar.

No campo de dados pessoais, um bom modelo é colocar: nome, endereço completo ou apenas a cidade onde mora, telefones pra contato e email.

É também interessante colocar seu nome e email/telefone em todas as páginas do seu résumé. A quantidade de résumés recebidos é grande, e é comum páginas ficarem perdidas e acabarem se misturando com as de outro candidato.

Dica 2: Venda seus valores

Comece seu résumé dando destaque a seus valores, capacidades e qualificações, na área do seu “Summary of Qualifications “, e aproveite para se vender e mostrar o seu diferencial. Por mais que possa parecer estranho, ressaltar nossos pontos fortes (strengths) e diferenciais é extremamente importante para que o recrutador saiba dos seus pontenciais e qualidades.

Se você não tem muita experiência, é um estudante recém-formado ou está planejando mudar de carreira, comece seu résumé com um “Objective” e liste seus pontos fortes e qualidades que ajudarão a desempenhar a função desejada. Isto ajudará o recrutador a entender que, mesmo sem muita experiência, você tem potencial para se tornar um bom empregado.

Espero que estas dicas tenham lhe ajudado! Até a próxima!

Continue lendo
Publicidade
Leia também...

Camilla Rangel Moreira, nascida em Recife, chegou em Toronto em 2003. Formada em Psicologia no Brasil. Atuou no mercado com recrutamento, seleção e treinamento por quase 10 anos nas áreas de finanças, hotelaria, industrial, IT e segurança.

2 Comentários

2 Comments

  1. camilla

    01/out/2009 at 11:04

    Isto mesmo Martha! Voce destacou bem o seus potenciais!! Parabens!

  2. Martha

    29/set/2009 at 01:10

    no meu resume tem isso:

    SKILLS

    * Problem solver, ability to work with others in a fast pace environment
    * Strong sense of responsibility, self determination and motivation
    * Communicate effectively with all levels of management in a high professional and diplomatic manner
    * Fluent in Portuguese, English and Spanish (listening)
    * Knowledge in Final Cut, Windows, Mac OS, Microsoft Word, Excel, Power Point and Internet

    ta legal, ne?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Trabalho

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Topo