Siga-nos

OiCanadá

Turismo

Little Manitou – Um lago salgado onde tudo boia

Com mais de dois milhões de lagos espalhados pelo país, é difícil imaginar que alguém possa viajar longas distâncias para visitar um laguinho com apenas 13,5 km de área cravado na província de Saskatchewan. Mas na verdade o Little Manitou é uma atração imperdível.

Ele é uma espécie de mini Mar Morto bem aqui, no Canadá: um lago de águas salgadas, com um nível de sal três vezes maior que o registrado em qualquer oceano. E isto quer dizer que ali tudo boia. Mesmo quem não sabe nadar, boia tranquilamente nestas águas mágicas.

Como quase todos os lagos canadenses, o Little Manitou é resultado de descongelamentos glaciais, mas com um detalhe inusitado. No fundo do seu berço, há várias fontes que generosamente expelem da terra uma variedade de sais minerais em suas águas que, por isso mesmo, são tratadas por muita gente como águas medicinais.

Os índios Cree, por exemplo, em seus primeiros contatos com o homem branco, pegavam varíola adoidado. Um deles, desesperado, se jogou no lago para ver se a água dava algum alívio. E, para surpresa de todos, deu legal. Desde, então, eles juram que a H2O dali é o melhor remédio para um mundo de coisas.

A ideia da água curadora correu longe dali para cá. Hoje há quem visite o local com regularidade porque sofre de eczema, uma espécie de alergia relativamente comum nos canadenses e que deixa a pele avermelhada e irritada. E quem tem artrite costuma também cobrir de elogios as tais águas salgadas do pequeno lago.

Tanta gente falando bem do poder de Little Manitou fez mesmo com que a vila vivesse um boom turístico. Até a chegada da grande depressão dos anos 20 do século passado, os vizinhos norte-americanos vinham em profusão e o fluxo de visitantes europeus também era constante. Little Manitou, em seu período áureo, competia em termos de volume de visitantes com Banff e Lake Louise, duas estrelas de imensa magnitude em Alberta. Mas aos poucos o local parece ter caído no esquecimento do mundo.

Hoje em dia, a pequena vila de 300 e poucos habitantes oferece um spa de água salgada, o Manitou Springs Resort and Mineral Spa, com acomodações decentes e um parque de piscinas modesto em tamanho, mas fantástico em termos de qualidade de água e tranquilidade.

Quem está no hotel não paga para usar as piscinas, mas um hóspede de qualquer outro motel, cottage ou camping da região pode adquirir um passe por cerca de $12 para aproveitar o resort.

Dias de Nostalgia

Além do lago flutuante e com poderes quase mágicos, quem visita a região do Little Manitou precisa entrar no clima nostálgico para curtir tudo que o local oferece. A atmosfera é de cidade do interior.

Há um drive-in pra filmes e uma espécie de barraca de burgers à beira do lago que vale a pena conferir — o Burger Buoy. Uma moçada costuma jogar vôlei na areia até altas horas da noite também à beira da água. E há quem simplesmente faça uma fogueira pra curtir a incomparável imensidão do céu das pradarias, ou se manda numa road trip pela vastidão da região que, incrivelmente plana, oferece paisagens bem interessantes.

Mas sobretudo, a dica é não deixar de ir à noite ao Danceland, um lendário dance hall que tem um piso sem pregos disposto sobre uma espessa camada de crina de cavalo. O truque gerou uma superfície flexível e macia, perfeita para os pés de valsa que pintam por lá.

Aliás, quando você estiver deslizando seu pé com seu par no Danceland, feche os olhos por um segundo e imagine a cena: em 1954, um certo rapaz chamado Elvis Presley estava em excursão e passou por ali. Não resistiu, é claro, e cantou e saracoteou como só ele sabia fazer bem ali, sobre o piso macio do Danceland…


Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Turismo

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.

Posts Populares

Topo