Siga-nos

OiCanadá

Notícias

O vilão do verão canadense: conheça as black flies

Quem melhor aproveita tudo que o Canadá oferece é quem curte natureza — cachoeiras, montanhas, rios, lagos, neve, florestas, canoa, alpinismo, esqui, acampamentos, fogueira e tudo mais. Mas é só esquentar um pouco mais e a gente sair das grandes cidades para enfrentar o grande inimigo dos prazeres do verão: as black flies.

As black flies existem também no Brasil. São os borrachudos,  mas as espécies daqui não são como as que nos infernizam por lá. Mal, de fato, as daqui não fazem, porque não transmitem doença alguma — a versão brasileira, no entanto, pode causar uma doença chamada oncocercose que, em seu pior estado, pode levar à cegueira.

Apesar de serem menos nocivos no Canadá, estes pequenos insetos da familia Simuliidae podem ser bem chatos porque costumam aparecer em penca e têm uma picada doída e de efeito prolongado.

Das mais de 2.300 espécies que existem no mundo, pelo menos 164 voam e picam no Canadá e são encontradas em abundância especialmente perto de rios e lagos, que são recantos usados como depósito de ovinhos produtores de novas fornadas de black flies.

Mosquitoes x Black flies

Ao contrário dos pernilongos (mosquitoes, em inglês), as black flies, ou borrachudos, gostam de atacar mesmo é de dia. Atraídas pelo nosso suor, elas tendem a infernizar em bando, voando ao redor da cabeça dos aventureiros antes de partir pra picada.

Essas praguinhas voadoras gostam especialmente de morder punhos, tornozelos, barrigas e pescoços e podem deixar de brinde uma coceira irritante que perdura por dias. E note aí que usamos o verbo morder, e não foi à toa.

Tanto o pernilongo quanto o borrachudo são hematófagos, ou sejam, sugam sangue. Só que os pernilongos têm tipo uma tromba como boca e a usam para picar a pele de suas vítimas como se fosse uma agulha, enquanto o borrachudo tem uma boca mastigadora, e morde mesmo, dilacerando uma porção mínima da pele das vítimas antes de chupar o sangue.

Proteção

Para evitar as mordidas das black flies canadenses, a dica é usar roupas em tons claros e que cubram os locais mais desejados pelos borrachudos. Também aconselham a aplicação de repelentes na pele e até nas roupas.

Muita gente também apela para a barreira física e é fácil mesmo encontrar nas lojas gazebos com telas e até mesmo chapéus que vêm com uma espécie de mosquiteiro para proteção do rosto. Os indígenas da região também usam plantas como fireweed e sweetgrass como repelentes mais naturais.

De um jeito ou de outro, o segredo é não menosprezar o poder do borrachudo canadense e se prevenir mesmo para não se arrepender depois.

1 Comentário

1 Comentário

  1. Ana Paula Castelli

    18/jun/2020 at 12:55

    Nada como passar o verão nos parques nacionais de Banff e Jasper. Foi um sonho para nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Notícias

Posts Populares

Topo