Siga-nos

OiCanadá

Fredericton, capital da província de New Brunswick

Vistos e Imigração

3 tendências de vida e imigração reveladas pelo Censo 2021 do Canadá

O Canadá comemora seu excelente crescimento populacional de 5,2% entre 2015 e 2021 e encara a realidade de que quatro quintos desse aumento foi garantido pela imigração. Entender que áreas perderam ou ganharam habitantes, então, pode apontar tendências de lançamento de novos programas de busca de mão de obra e até mesmo ajudar a definir onde pode ser melhor estudar ou morar.

Apesar da pandemia, o Canadá cresceu muito bem, obrigado. Sua taxa de 5,2% está anos luz à frente do 0,5% registrado na União Europeia, os 2,5% dos Estados Unidos ou mesmo os 3.8% do Brasil. Isso leva o total da população canadense a 36.991.981 habitantes e com várias tendências interessantes de serem vistas de perto. 

1. O surgimento de novos centros urbanos fora da rota de sempre

As dez maiores cidades do Canadá deixam claro a concentração populacional em Ontário (1o. lugar Toronto, 4o. Ottawa, 9o. Hamilton, 10o. Kitchener/Cambridge/Waterloo), Québec (2o.Montreal, 4o. Gatineau, 7o. Québec City), British Columbia (3o. Vancouver) e Alberta (5o. Calgary, 6o. Edmonton), com a exceção sendo Winnipeg em 8o. como representante de Manitoba. 

Mas o IBGE canadense revelou que em 2021 cinco novas áreas ultrapassaram a marca dos 100.000 habitantes, criando novos aglomerados urbanos que têm tudo para continuar atraindo mais e mais gente. São eles a capital de New Brunswick, Fredericton; Drummondville no Québec, Red Deer em Alberta e três endereços da British Columbia com números incríveis — Chilliwack aumentou 12,1% com Nanaimo e Kamloops crescendo 10% cada.

Outras duas não chegaram perto dos 100.000, mas se destacaram dentro do quadro geral. Uma foi London que cresceu 10% nos últimos cinco anos, praticamente o dobro do crescimento de Ontário. E a outra foi Sherbrooke, que inchou em 7,2% contra a média de 4,1% do Québec.

Da mesma maneira, Kelowna chama a atenção no Okanagan Valley da British Columbia, batendo o recorde nacional de taxa de crescimento adicionando 27 mil habitantes, o que corresponde a uma taxa de 14% de crescimento de 2016 para 2021.

2. Reversão histórica da queda populacional na costa leste

A região da costa Atlântica do Canadá conseguiu reverter sua tendência de encolhimento que seguia sólida desde os anos 1980 e todos os envolvidos — quem já morava lá, as autoridades locais e federais — reconhecem que isso é fruto do grande empenho coletivo de aumento e suporte à imigração.

Prince Edward Island subiu 8% se tornando a campeã de crescimento entre todas as províncias. A Nova Scotia engordou 5% com New Brunswick vindo a seguir com 3.8%. No entanto, Newfoundland não foi no mesmo rumo dos vizinhos, encolhendo 1,8% de 2016 para cá, o que corresponde a cerca de 9000 pessoas abandonando o barco.

Mas mesmo o triste desempenho de Newfoundland pode ser boa notícia para os interessados em imigração. Há mesmo uma grande possibilidade tanto da província quanto do governo federal investirem em novos programas para buscar mão de obra fora do país. E é de se esperar que este esforço venha de mãos dadas com estratégias de suporte e auxílio para garantir a adaptação dos recém-chegados como forma de reverter o encolhimento constante da área.

3. Uma crescente preferência pelo centro das cidades

A COVID-19 fez muita gente mudar rumo a regiões urbanas de médio porte. Mas ainda é cedo demais para saber se estas pessoas retornarão ou se este será o novo normal depois que o vírus estiver mais domado.

Os números mostram, no entanto, que a tendência pré-pandêmica era a de uma maior ocupação da área mais central das cidades, o que é uma grande novidade, talvez até impulsionada pela própria imigração. É que, tradicionalmente, o canadense sempre preferiu morar em casa que em apartamento e os subúrbios povoados por trabalhadores de boa renda são um belo retrato dessa realidade. Mas pela primeira vez o Canadá viu o centro das cidades crescer cerca de três vezes mais que o entorno. 

Área CentralCrescimento %
Toronto16,1
Montreal24,2
Halifax26,2

Para saber mais

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Vistos e Imigração

Topo