Siga-nos

OiCanadá

Lazer

Futebol longe de casa

Em busca de “calor humano”, brasileiros que moram em Toronto se reúnem para acompanhar os jogos da Copa Libertadores da América.

Há um mês o técnico de informática André Bezerra e a dentista Flávia Rocha trocaram o Recife por Toronto. Para começar a nova vida, deixaram emprego, família e amigos, tudo pra trás… mas peraí, quase tudo: o amor pelo time do coração veio junto, dentro da mala. “A gente trouxe seis malas e os ´mantos sagrados´ não poderiam deixar de vir”, disse Flávia, se referindo às sete camisas do Sport que eles trouxeram na mudança.

É quase uma religião. Na geladeira de casa, o mascote do Sport Clube do Recife aparece ao lado da palavra “fé”. “Como a gente tá disputando a Copa Libertadores da América, que é uma competição muito difícil, é preciso ter muita fé pro Sport ser campeão”, explicou André.

E haja fé mesmo. Torcer à distância não é fácil. Acompanhar os jogos, só mesmo pela internet. “Pelo Sport eu faço qualquer coisa, mas sinto falta de ir pro campo, claro”, completou André.

Em busca de “calor humano”, não só o casal André e Flávia, mas também outros rubro-negros que moram em Toronto, acabaram criando uma versão canadense da Ilha do Retiro. Eles se reúnem no Vivid Lounge, que fica na Avenida Saint Claire e fazem a festa. “Eu acho que eles se identificaram com o lugar. Eu sou corinthiana, mas aqui todos os torcedores são bem-vindos”, disse a proprietária, a brasileira Fernanda Cortes.

Nesta terça-feira (05/05), vários torcedores se reuniram para acompanhar a partida do Sport contra o Palmeiras, pelas oitavas de final da Copa Libertadores. Quando o jogo começou, o clima no bar era de estádio de futebol mesmo: todos de olhos grudados no telão, roendo unhas, reclamando e aplaudindo com o coração a mil.

A torcida do Palmeiras estava representada por dois torcedores. O jogo foi tenso. O único gol da partida só saiu aos 30 minutos do segundo tempo, quando o Palmeiras fez 1 x 0, para alegria da tímida torcida palmeirense no bar e tristeza da maioria rubro-negra.

Na próxima terça-feira, os dois times se enfrentam novamente, valendo a classificação para as quartas de final. Desta vez, o Sport joga em casa e a torcida aqui em Toronto espera dividir o grito de “Cazá Cazá” com todos rubro-negros espalhados pelo mundo.

Continue lendo
Publicidade
Leia também...

Julieta é curiosa, subjetiva e prolixa. É também contraditória o suficiente para admirar o que é simples. Não perde a oportunidade de puxar uma boa prosa, seja na fila do supermercado ou durante uma viagem de avião. Antes de tudo, se interessa por pessoas e pela origem das coisas. Desde os sete anos, quando seu pai comprou uma câmera vídeo, sonha em ser jornalista. O sonho a levou à Universidade Federal de Pernambuco, onde a recifense se formou em Jornalismo. Das brincadeiras com a câmera do pai, veio a paixão pelas telas e pela linguagem audiovisual. Começou na TV Universitária de Pernambuco, passou pela TV Alepe, TV Asa Branca (Caruaru/PE), TV Cultura e TV Globo Nordeste. Em 2008 se mudou para o Canadá, onde juntou sua experiência em televisão com a liberdade da internet. No OiCanadá, Julieta faz o que mais gosta e melhor sabe fazer: contar histórias.

12 Comentários

12 Comments

  1. Lena Fontelles

    14/maio/2009 at 14:57

    Pena que não deu para o Esport desta vez, mas valeu a reportagem, como sempre maravilhosa.
    Juli, vc tá linda.
    Bjs

  2. Xlau

    12/maio/2009 at 11:51

    É hoje o dia: “Pelo Sport Tudooooooo”. E viva a torcida rubro-negra em Toronto!!! Chamar o seu belo texto de “matéria direcionada” é intriga da oposição…hehehehehehe… Beijosssss mil!!!!

  3. Walfredo

    12/maio/2009 at 09:09

    Valeu, Deco!!!
    Fiquei feliz por saber que vocês estão bem…
    Sucesso!!

    Pelo Sport Tudoooooo!!!!

  4. Manú Palhares

    11/maio/2009 at 20:32

    Juliii

    Adorei! Tu tá demais!!! :)

  5. André Bezerra

    07/maio/2009 at 23:30

    Juli, a matéria ficou muito legal, Léo, aquele que estava roendo as unhas do meu lado também gostou muito, parecia matéria do esporte espetacular!minha irmã viu e mandou para o blog do torcedor e para o site do Aderval Barros. Sobre quem estava perguntando do náutico, avisa que aqui só passa jogo de competição internacional! Ui, eu nem queria dizer isso…

  6. Melissa

    07/maio/2009 at 23:18

    Otima materia Julieta! Parabens! Alias, todas as suas materias estao e sao otimas.

  7. MP

    07/maio/2009 at 21:35

    Matéria direcionada … :-)))) e ótima, como sempre !
    Faço a mesma pergunta da comentarista acima: e do NÁUTICO, não
    tem ninguém aí não ?!
    Beijosssss

  8. LUIZ HORÁCIO ANGEIRAS

    07/maio/2009 at 18:54

    Amigos rubronegros de Pernambuco,entrem no site do Lancenet e fique sabendo de toda a resenha que acontece com o nosso Sport pelo o Brasil.
    http://www.lanceactivo.com.br

    Abraços e PELO SPORT TUDO

  9. mgraca

    07/maio/2009 at 13:07

    SE QUEREM SE SENTIR MAIS EM CASA E APRECIAR O NOSSO SPORT CLUB RECIFE FAÇA O SEU CADASRTO AQUI NO MEU SITE, E VAMOS DIVULGAR O NOSSO SPORT MUNDO A FORA JA QUE A MIDIA DAQUI NÕA NOS DÁ VALOR ENTÃO.. ESTAMOS NOS UNINDO PARA TRAZER A MIDIA DE FORA PRA DENTRO.. DO NOSSO SPORT, CLARO!!!: http://www.lanceactivo.com.br/mgraca/Perfil

    PELO SPORT TUDO !!!!!!!!!!!!!!!!

  10. Tiago Maranhão

    07/maio/2009 at 12:34

    “Quem não fala do Sport é mudo!”

    Matéria linda, torcida linda, jornalista linda…

    A partida é que não seguiu a tendência hehe.

  11. Babi

    07/maio/2009 at 09:35

    Noooosa, eu estou toda arrepiada, sentindo na pele o que eles estao passando. Minha nossa, tem mesmo que ter muita fe. Parabens como sempre, mas dessa vez eh um parabens especial. Joia a materia.

  12. Fátima Marnhão

    07/maio/2009 at 05:42

    Maravilha Jubs. Saudades!……..
    Tem ninguém do NAUTICO nessa terra distante, não?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Lazer

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Topo