Siga-nos

OiCanadá

Turismo

St. Lawrence Market oferece de frutas a objetos de arte

Dizem que o mercado de uma cidade reflete a cultura e os costumes de seu povo. O St. Lawrence Market não pode ser comparado ao Mercado Municipal de São Paulo ou aos mercados asiáticos, mas é com certeza um dos lugares de Toronto que deve ser visitado por turistas e moradores. Além da diversidade de seus produtos, o prédio faz parte da história da cidade e carrega em sí um charme todo especial.

Queijos, frutas, verduras, frutos do mar, souveniers e uma vasta quantidade de guloseimas fazem do St. Lawrence Market um dos principais mercados de Toronto. São dois prédios (Norte e Sul) localizados em uma das áreas mais bonitas da cidade, próxima ao cruzamento da Front Street com a Jarvis.

Os dois prédios oferecem diferentes opções ao visitante. No prédio do lado norte é possível encontrar uma grande variedade de produtos antigos como livros, revistas, discos e objetos de arte, além de diversas barracas de frutas e verduras frescas. No St. Lawrence Market Sul estão localizados os restaurantes, produtos alimentícios, uma galeria de arte e lojas de souveniers.

Prédio do mercado já foi sede da prefeitura

O ambiente descontraído do mercado já é por sí só um bom motivo para visitá-lo. O prédio do lado sul foi contruído em 1845 pelo inglês Henry Bowyer Lane e possui uma arquitetura georgiana, bastante comum na época. Foi sede da prefeitura da cidade até 1899, quando depois de passar por diversos reparos, transformou-se em um grande mercado. Em 1803, foi contruído o prédio da parte norte. 46 anos mais tarde, um incêndio teria destruído boa parte do edifício, que consequentemente sofreu diversas reformas, a última concluída em 1968.

St Lawrence Market South

O mercado possui três pisos com mais de 50 estabelecimentos de venda, entre lojas e restaurantes. É impossível andar pelos corredores do St. Lawrence Market South e não perceber o quanto o local é limpo e organizado. A diversidade cultural encontrada em Toronto está presente em cada canto do mercado. Em uma só loja é possível encontrar funcionários vindos de diferentes lugares do mundo.

Queijos do mundo inteiro em um só lugar

A diversidade também está presente nos produtos oferecidos no mercado, como queijos por exemplo. Aliás, um dos melhores lugares de Toronto para comprá-los é, sem sombra de dúvidas, o St. Lawrence Market. Diversos estabelecimentos vende queijos importados de diversos países como França, Itália, Espanha e Inglaterra. O Chris’Cheesemongers, tem como um de seus clientes o Loire, requintado restaurante francês da cidade. Entre as especialidades encontradas no estabelecimento, destaca-se o queijo Comté, importado da França, e o italiano Asiago. “Temos uma grande variedade de queijos e também de azeites, condimentos, azeitonas e geléias. Produtos de excelente qualidade e preços acessíveis”, diz orgulhoso o gerente da loja, Geoff Hunt, que trabalha no St. Lawrence Market há 10 anos.

Boa seleção de vinhos canadenses

Ao contrário do que muitos pensam, não é só nas lojas LCBO (conselho de controle de bebidas alcoólicas de Ontário) que podemos comprar vinhos. O St. Lawrence Wine Market oferece uma grande variedade da bebida. Todos os vinhos encontrados são da província de Ontário, produzidos na região de Niágara. “Nossos vinhos recebem o selo VQA- Vintage Quality Alliance, o que comprova a qualidade de nossas bebidas”, ressalta o vendedor Ryan Forde.

Mostardas e arroz para todos os gostos

Na Anton Kozlik’s Canadian Mustard, loja fundada em 1948 no St. Lawrence Market Sul, é possível encontrar mais de 30 tipos diferentes de mostardas, entre elas dyjon, curry, azeitona e ervas, grozelha, italiana e a mais popular de todas: a deliciosa mostarda de maple syrup. Todas elas são preparadas em Toronto e sem nenhum preservativo. O consumidor pode até experimentar os diferentes sabores do produto.

Quem visita o mercado também não pode deixar de conhecer o Rube’s Rice Shop, especializada em arroz. São mais de 50 diferentes tipos do produto. Alguns bastante exóticos, como o “forbidden rice”(arroz proibido), um arroz preto originado na China que, segundo os vendedores, leva esse nome porque no tempo do império, ninguém podia comer o grão, além do imperador. O dono da loja, Rube Marcus, parece ser a prova viva de que arroz é saudável. Ele é um dos vendedores mais antigos do mercado e tem 90 anos.

O popular sanduíche de peameal bacon

Comida, aliás, é o que não falta no St Lawrence Market, que oferece diversas docerias, creperias e restaurantes. Mas o destaque principal é o sanduíche de peameal bacon, um tipo de bacon tipicamente canadense misturado ao fubá. A padaria Carousel tornou-se conhecida por servir o famoso sanduiche, preparado somente com pão português e peameal bacon. Nos sábados existe fila para comprar o sanduíche, que já foi até tema de reportagens em revistas no Canadá e em outros países.

A padaria existe há mais de 30 anos e o sanduíche foi idéia do fundador da Carousel Bakery, o italiano Elso Biancolin. Hoje, são os seus filhos, Roberto e Maurice, quem dão continuidade ao negócio do pai. “Eu perdi a conta de quantos sanduíches vendemos semanalmente. Tem dias que precisamos de mais de 20 pessoas trabalhando só para atender a demanda”, afirma Maurice Biancolin, sócio do irmão Roberto na padaria.

Galeria de arte

No piso superior do St. Lawrence Market Sul fica a galeria de arte, inaugurada em 1979. Diversas exposições de cultura e história já passaram por ali. Em 2010, a mostra “The St. Lawrence Ward” celebrou o aniversário de Toronto, mostrando fotografias e mapas da cidade desde 1840.

St. Lawrence Market North

Frutas e verduras frescas no mercado dos agricultores

Na madrugada de sexta para sábado, comerciantes começam a chegar com caminhões cheios de frutas e verduras frescas.”Quem comparece ao St Lawrence Market North aos sábados tem a oportunidade de comprar os vegetais mais frescos do Canadá”, garante uma das vendedoras do mercado. É nesse dia que diversos agricultores de Ontário vêm até Toronto para vender os seus produtos. A tradição do mercado dos agricultores aos sábados existe desde 1803.

Perto dali, o casal de turistas Chris Mallon e Anne Marie Michaud, apreciavam a movimentação do mercado. “O que mais me chama a atenção é que esse mercado existe bem perto do centro da cidade, em um lugar muito bonito. É difícil acreditar que em Toronto existe um lugar assim”, afirma Mallon, natural de Vancouver.

O colorido das frutas e verduras se misturam à variedade de flores e plantas, também vendidas no St. Lawrence Market. Passear pelo mercado aguça os nossos sentidos e nos faz perceber que os produtos de qualidade disponíveis em Toronto vão muito além dos supermercados da cidade.

De disco de vinil à excelentes obras de artes

É possível encontrar no mercado uma grande variedade de objetos de arte e artigos para a decoração. Espelhos, jarros, esculturas, tapetes e abajours estão espalhados em diversas barracas e lojas.

Aos domingos funciona um dos melhores mercados de antiguidade de Toronto. Mais de 80 comerciantes vendem desde discos de vinil a verdadeiras obras de arte. É possível encontrar, por exemplo livros, revistas, brinquedos, vídeos, quadros e porcelanas com preços bastante acessíveis.

Serviço

  • O que: St. Lawrence Market
  • Onde: 92 Front Street, Toronto
  • Como chegar: de metrô – desce na King Station, pega o street car da King sentido east e desce na Jarvis St (ou pode ir andando, são só algumas quadras)

Fotos: Bill Blomstrom

Marcio Rollemberg é pernambucano e formado em jornalismo. Foi editor-chefe de um telejornal universitário, produziu documentários e trabalhou como repórter de TV no Brasil. Em 2005 mudou-se para Toronto e atualmente é um dos colaboradores de uma revista e de um canal de TV. Em 2011 juntou-se a equipe do OiCanadá, onde escreve matérias sobre Turismo e Variedades.

2 Comentários

2 Comments

  1. sandra mazzafera

    19/ago/2014 at 18:49

    Uma dúvida: o que abre no St. Lawrence aos domingos é somente a parte de antiguidades, certo? Para comer não há nada aberto de domingo, é isso?

    Tks

    Sandra

  2. Bruno

    28/jul/2011 at 16:26

    Excelente artigo, ótimas fotos… faz tempo que não vou ao St. Lawrence Market, depois de ler isso acho que vou almoçar lá!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Turismo

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Topo