Siga-nos

OiCanadá

http://www.flickr.com/photos/arobrien/

Experiência

Os preparativos finais para qualquer viagem mais longa

Quando nos organizamos para uma viagem mais longa do que uma semana, é preciso se certificar de que tudo irá funcionar bem durante a sua ausência, seja no ramo pessoal ou profissional.

Nos artigos anteriores, descrevi em detalhes alguns dos preparativos para a minha viagem. Em ritmo de reta final, vou descrever meus últimos preparativos. Afinal de contas, daqui a dez dias estarei em Toronto!

Organização pessoal

Para não me esquecer de nada, achei melhor criar um checklist do que precisa ser feito. Os itens são fruto de minha experiência e necessidades, e poderão orientá-los durante os preparativos de uma viagem.

  • Organizar os documentos originais necessários para a viagem em uma pasta.
    • Por exemplo: passaporte, carteira de motorista, carta de aceite em cursos, carta convite ou comprovante de hospedagem, endereços importantes no local de destino, documento com dados de contato no Brasil, receitas médicas, contrato do seguro saúde, documentos de seguros extras (bagagem, automóvel);
    • Coloque a pasta de documentos originais na bagagem de mão;
    • Separe dois conjuntos de cópias de todos os documentos.
    • Deixe uma cópia em casa ou com um familiar e a outra leve na bagagem despachada;
  • Comprar moeda estrangeira.
    • Solicite ao banco ou casa de câmbio notas menores e trocadas, pois são mais aceitas e fáceis de trocar nos estabelecimentos comerciais;
    • Separe o dinheiro de viagem em carteiras diferentes: uma parte vai dentro da bagagem de mão e a outra vai junto ao corpo;
    • Ligar para as administradoras de cartão de crédito para liberar os cartões de crédito internacionais durante a viagem.
    • Verifique se o limite em moeda estrangeira é suficiente para a viagem com margem para imprevistos;
    • Verificar junto às administradoras de cartão de crédito se eles oferecem benefícios aos clientes em caso de viagem como, por exemplo: seguro bagagens, seguro saúde e acidentes pessoais, seguro de vida, para veículos alugados;
  • Habilitar o celular para ligações internacionais.
    • Verificar os pacotes de voz e dados disponíveis pelas operadoras;
  • Montar um kit de medicamentos básicos para a viagem.
    • Separar em uma nécessaire: micropore, band-aid, antiinflamatório, analgésico, antitérmico, antigripal, antialérgico, antiácidos, remédios para problemas intestinais, para cólicas, para ressaca, pomada para curativos;
  • Em caso de dieta especial, separar alimentos específicos que precisam ser levados na bagagem despachada, para o consumo durante o período de viagem;
  • Identificar as bagagens;
    • Para a bagagem de mão: Levar guia de viagem sobre o país de destino, um pequeno dicionário, mapas e endereços de destino; Levar uma troca de roupa, para situações de imprevistos (bagagem extraviada, se sujar durante o voo);
  • Separar os equipamentos eletrônicos (cabos, adaptadores, baterias e carregadores).
    • Separar os equipamentos que podem ser carregados na bagagem de mão e os que podem ir na bagagem despachada;
  • Levar casaco, apoio de cabeça e máscara de dormir, para uso durante o voo.
  • Separar produtos de higiene pessoal.
    • Colocar apenas os itens necessários na bagagem de mão;
    • Se atentar às regras das companhias aéreas para os itens e quantidades que são permitidas na bagagem de mão, seguindo as orientações descritas no site da American Airlines.
  • Levar um pequeno kit de costura para imprevistos e, se muito necessário, um mini ferro de passar roupas.
  • Cancelar temporariamente assinatura de revistas e jornais.
  • Colocar contas que vencem durante o período de ausência em débito automático.
  • Se você não dominar o idioma do país de destino, faça um documento com as perguntas e respostas rotineiras, no idioma do país de destino ou em inglês, como por exemplo: perguntas comuns feitas pelos oficiais da imigração, quanto custa algo, como fazer para chegar a um lugar, como pedir algo para comer, como pedir ajuda, etc.
  • Tenha sempre à mão alguns telefones e endereços úteis no Brasil e no país de destino para o caso de emergência:
    • Por exemplo: seu médico, família e parentes, administradoras de cartão de crédito, gerente do banco, Embaixada/Consulado Brasileiro, hospitais, caixas eletrônicos, aeroportos, estações de trem de viagem, rodoviárias, hotéis, lavanderias, etc.
    • Não confie totalmente na bateria dos dispositivos móveis e na internet. Ter informações impressas em papel pode ajudar em situações emergenciais.

Dicas gerais

  • No caso de transporte de alimentos, verifique junto às companhias aéreas que tipo de alimento pode ser transportado durante a viagem e se necessário solicite autorização especial;
  • Não se distancie ou descuide de suas bagagens. Bagagem de mão é para ficar à mão;
  • Ao chegar ao seu destino, se for o caso, guarde as jóias, dinheiro, passagens, e passaporte no cofre do hotel;
  • Durante sua estadia, ande com uma cópia do documento na bolsa ou carteira;
  • Dê preferência ao uso do cartão de crédito ao invest de dinheiro. Se precisar, o cartão de crédito internacional serve para sacar dinheiro nos caixas automáticos do mundo todo;
  • Tome muito cuidado com a chave do local onde está hospedado;
  • Compre uma pochete porta-dólar que pode ser usada sob a roupa para transportar parte do dinheiro;
  • Uma alternativa para não ter que levar muito dinheiro em espécie, é o Visa Travel Money que funciona como um cartão de débito e pode ser carregado, permitindo saques. A maior vantagem é que com ele não há imprevistos de oscilação de câmbio;
  • Procure se informar sobre a cultura do país de destino e principalmente sobre os hábitos locais, isso pode evitar constrangimentos durante sua estadia;
  • Não se esqueça de alguns itens como: guarda-chuva, capa de chuva, protetor solar, máscara para dormir, cortador de unhas.

Organização Profissional:

Ao se ausentar do trabalho, as suas responsabilidades são transferidas para outras pessoas, e para que tudo corra bem durante sua ausência, é importante deixar tudo organizado. Seguem abaixo algumas dicas que eu costumo praticar:

  • Solicite ao seu superior que indique o profissional que assumirá suas responsabilidades durante o período da sua ausência;
  • Informe antecipadamente (por telefone, email, pessoalmente) aos seus clientes, fornecedores, parceiros etc., sobre o período de sua ausência e apresente quem o substituirá;
  • Documente as suas atividades de rotina em detalhes e disponibilize para o seu substituto. Se possível, solicite que ele te acompanhe no último mês para aprender ou entender os processos;
  • Faça uma reunião conjunta com o seu superior e o(s) substituto (o), para alinhamento das atividades;
  • Deixe para seus colegas e superiores algum meio de contato com você durante sua ausência. Explique que não estará disponível o dia todo e informe qual é o melhor horário para se comunicarem. Não tenha vergonha de solicitar que o contato só deve ser feito em caso de urgência, pois sua ausência da empresa deve ter um motivo (férias, doença, treinamento) e seja ela qual for, deve ser respeitada.
  • Por último, e não menos importante, deixe email configurado com uma mensagem automática de ausência, indicando o período em que estará fora e os dados de contato de quem o substituirá (se necessário direcione os assuntos para pessoas diferentes).

Agora que está tudo pronto, só me resta controlar a ansiedade e fazer a contagem regressiva para a viagem.

Continue lendo
Publicidade
Leia também...

Monica Keiko Korosue é paranaense, mas vive em São Paulo desde 1993. É casada e tem um filho. Monica é geminiana e como tal é uma mulher dinâmica, comunicativa, positiva, que adora novidade, de bem com a vida, tem muitos amigos, e é uma pessoa muito intensa e emotiva. Ela é dona de um carisma e astral festivo e sua principal característica é a busca por resultados e realizações. Monica é formada em Processamento de Dados pela Universidade Cidade de São Paulo e é especialista em Governança de TI com certificações internacionais em ITIL-Foundation, ITIL-Practitioner IPAD e CobiT. Trabalha com Tecnologia da Informação desde 1996 e atualmente é funcionária de uma associação ligada ao mercado financeiro brasileiro, atuando nas áreas de Infraestrutura, Serviços e Operação de TI.

10 Comentários

10 Comments

  1. MARCELO

    27/set/2011 at 14:37

    obrigado pela dicas estou me preparando para viagem.

  2. Danielle

    26/Maio/2011 at 21:43

    Oi Monica!
    Ótimas dicas para viagem. Pergunto: é preciso levar tudo embalado em plásticos na bagagem de mão? Vc fala sobre a bagagem de mão ficar a mão – pergunto: há perigo de roubo dentro do avião?
    Aguardo,
    e mais uma vez obrigada pelas dicas

  3. Valdemar Arantes

    22/jun/2010 at 17:31

    Não estou de mudança e nem indo viajar, mas sabe de uma coisa? O texto está gostoso de ler e até me deu um cumichão pra viajar. Quando você lançar um livro, me avisa, tá?

    • Monica Keiko Korosue

      24/jun/2010 at 08:38

      Valdemar, Que bom que vocês está gostando dos artigos… e mais legal ainda que eles estão despertando sua vontade de viajar. Quanto a escrever um livro… a vontade existe, pode ser que um dia isso aconteça. Se acontecer, eu mando notícias! Beijos e continue acompanhando… Monica

  4. Rafael De Faria Alcantara

    18/jun/2010 at 16:28

    Nossa me sinto até mal porque quando vim pra cá eu arrumei minha mala na noite anterior e olha que eu estava me mudando! ahahah Boa sorte com tudo!

    • Monica Keiko Korosue

      18/jun/2010 at 17:04

      Rafael, você arrumou uma fã! Eu gostaria de ser assim, prática e despreocupada…rsrsrs, mas como eu não atingi este nível de evolução, ainda preciso de um checklist! ;D
      Obrigada por acompanhar os artigos.
      Abraços, Monica.

    • Renata

      18/jun/2010 at 20:15

      foi engraçado ler isso, eu tb fiz isso quando me mudei e ainda por cima trabalhei no dia da viagem até as 4 da tarde sendo que tinha que estar no aeroporto as 7 da noite ( imagina isso em são paulo , saindo de são bernardo do campo e indo pra Guarulhos numa sexta feira). rs..e mais um detalhe eu ainda tinha que passar no Safra do aeroporto pra retirar os dolares que tinha comprado.Quando cheguei Fiz a procuração em Toronto pelo Consulado brasileiro, comprei um celular , abri uma conta bancaria e só. Olha Monica eu é que queria ser como vc , esta de parabéns com seu check list. valeu pelas dicas. bjs

      • Monica Keiko Korosue

        18/jun/2010 at 21:07

        pois é Renata… são tantos detalhes que fica impraticável lembrar de tudo sem a ajuda de um checklist. Mas que bom que deu tudo certo pra você. Agora que eu deixei as dicas todas reunidas, pode ser que ajude mais alguém… Fico feliz que você está acompanhando os posts… Vamos nos falando!
        Semana que vem tem mais.
        Monica

  5. Maurício Berté

    17/jun/2010 at 15:54

    Opa, importantíssimas essas dicas, pois ainda não arrumei nada e dia 11 de Julho já estarei ai.

    Abraço

    Maurício

    • Monica Keiko Korosue

      18/jun/2010 at 08:25

      A sua data também se aproxima! Que bom que as dicas vão te ajudar também…

      Semana que vem é minha última semana no Brasil antes da viagem e agora eu acho que está tudo pronto… Só restou começar a maratona de despedidas!

      Continue acompanhando e contribuindo para os artigos!
      Um abraço – Monica Keiko Korosue

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Experiência

Posts Populares

Topo