Siga-nos

OiCanadá

Vistos e Imigração

Modelo de imigração Express Entry entra em vigor no próximo ano

Com o objetivo de beneficiar a economia do país, o Canadá vai passar a recrutar talentos internacionais de forma mais ativa a partir de 2015. Segundo o Ministro da Imigração e Cidadania do Canadá, Chris Alexander, o novo modelo é um passo importante na transformação do sistema atual de imigração canadense em um sistema mais rápido e flexível, com foco em atender às necessidades econômicas e de mercado do Canadá.

O Express Entry (EE), anteriormente chamado de Expression of Interest (EOI), vai permitir que o Canadá preencha vagas de emprego para as quais não existem profissionais canadenses disponíveis. Os candidatos do EE que receberem uma proposta de trabalho válida ou indicação provincial através do Provincial Nominee Program (PNP), serão rapidamente convidados a solicitar a residência permanente no Canadá.

O EE dará prioridade aos candidatos mais qualificados para as vagas de emprego disponíveis, independente de quem se inscreveu primeiro. O novo formato pretende acabar com o atraso no processamento das solicitações de residência, trazendo ao Canadá o número previsto de trabalhadores, e oferecer cartões de residência em até 6 meses para os candidatos selecionados. Uma vez aprovados pelo EE, os candidatos poderão se inscrever para a residência permanente através dos seguintes programas: Federal Skilled Worker Program, Federal Skilled Trades Program, Canadian Experience Class, e uma parte do Provincial Nominee Program.

Segundo o ministro Alexander, “o programa Express Entry vai mudar completamente o cenário da imigração e economia canadense ao revolucionar a forma como o país atrai imigrantes qualificados e lhes permitindo entrar no mercado de trabalho mais rápido. Nosso governo está ativamente envolvido com empregadores e parceiros provinciais e territoriais para que o lançamento do programa Express Entry, em janeiro de 2015, seja um sucesso.”

Fonte: news.gc.ca

11 Comentários

11 Comments

  1. Edio Agostinho

    12/abr/2015 at 10:59 PM

    tem como migrar para o Canadá tentando vaga para pedreiro ou… Minha esposa é técnica em enfermagem e temos dois filho. Um de 17 e uma de 4 anos. Vc tem informações que possa me ajudar? Grato

  2. Aline Silva

    09/fev/2015 at 11:20 AM

    Bom dia!!

    Assisti a alguns vídeos da Celina Hui via You Tube e me interessei pelo processo de imigração para o Canadá.

    Vamos ver se conseguirá me auxiliar nessa caminhada.

    Ainda estou indecisa quanto a província a ser escolhida. Isto porque tenho uma pequena noção de francês (língua estudada na faculdade) e o meu inglês é intermediário, tanto em leitura, escrita, audição e fala. Sou casada e meu marido (cidadão português) não fala muito o inglês e nada do francês. Ele até entende algumas pessoas falando o inglês, mas depende muito do contexto da conversa.

    A minha ideia seria tentar realizar a prova em inglês a nível Federal, por ser mais fácil pra mim. Apesar que teria que estudar mesmo assim. Uma questão em relação a prova é: tanto eu quanto meu marido teremos que fazer a prova ou apenas um dos dois? Se fizermos dessa forma (a nível federal) poderemos escolher em qual província ficar?

    Tenho parentes em Montreal – Quebec. Caso faça para qualquer outra província,teria como ingressar posteriormente na de Quebec?

    Gostaria de saber sobre a idade limite para cada tipo de processo, e para entrar pelo Express Entry, os critérios para ser elegível seriam:

    1 – idioma (francês e/ou inglês);
    2- validação do(s) diploma(s) de graduação aqui no Brasil perante o Canadá;
    3 – avaliar se a minha experiência profissional é válida em algum dos programas federais em questão.

    Após isso, o meu perfil será avaliado e se tiver, digamos ” apto” , será enviado um convite para dar continuidade ao processo de pedido de imigração, certo?

    Também gostaria de um explicação quanto ao que chamam de NOC, pois não entendi muito bem.

    Bom, acho que é somente isso por enquanto.

    Vamos nos falando.

    Desde já agradeço a atenção.

  3. adriana

    22/nov/2014 at 6:13 PM

    Cara Fernanda,

    Voce saberia me dizer quais são as perspectivas para uma pessoa formada em Direito e Comunicação Social e outra com experiência em usinagem de peças e estudante de engenharia mecanica? O mercado está bom para estes profissionais ( muito embora, muito sinceramente ache que o meu esposo – usinagem- tenha mais chances de encontrar um emprego. Procede?

  4. sergio antonio

    12/nov/2014 at 6:49 PM

    sou formado em administração de empresa tenho experiencia com vendas recursos humanos logística de mais de 10 anos mas não tenho experiência canadense to fazendo um curso de inglês mas perecer que esse novo sistema vai ta prioridade para quem estudou no canada ou tenha trabalhado no canada parecer que tem boa qualificação fora do canada mesmo dominando o inglês terá pouca chance de imigrar para o canada pois sera uma lista de pontuação a empresa irão escolher o candidato mas fora do canada sera difícil a pessoa consegui o visto pois a empresa darão prioridade para quem esteja la

  5. Pingback: Governo canadense anuncia reformas no programa de trabalho para babás e cuidadores de idosos - OiToronto

  6. Igor

    23/abr/2014 at 3:14 PM

    No minino inglês fluente.. Se tiver vaga para programador/analista de sistema em alguma empresa tô dentro! #vemniminprimeiromundo rs

  7. Kelson Anthony

    23/abr/2014 at 2:27 PM

    Será que o programa terá vagas para formado?

  8. Anônimo

    23/abr/2014 at 2:00 PM

    Isso só vale pra ensino superior, ou vale pra nível técnico, acho que eles são mais carentes nessas áreas.

  9. Fábio

    23/abr/2014 at 11:58 AM

    Alguém conseguiu entender se será necessário apresentar todos os documentos e testes de idioma logo no cadastro no EE ou somente depois de chamado?
    Outra dúvida os programas atuais continuarão? Ex: Federal Skilled Worker

    • Fernanda C Thiesen

      Fernanda Thiesen

      23/abr/2014 at 6:58 PM

      oi Fabio. o novo modelo nao vai substituir os programas de imigracao atuais. ele é apenas um acelerador para quem pretende se inscrever em um dos programas de imigracao canadense. depois de ser aprovado no EE o candidato ainda precisa solicitar a residencia permanente através de um dos programas de imigracao mencionados no post. acredito eu que o candidato só vá precisar apresentar documentos e testes de idioma na hora de se inscrever para a residencia, mas isso realmente nao parece ter sido mencionado na nota divulgada pelo governo.

Deixe um comentário

Continue lendo
Publicidade
Fernanda C Thiesen

Fernanda é carioca, publicitária, co-fundadora e editora-chefe do OiCanadá, e web designer no SiteToaster.co. Imigrou para o Canadá no final de 2006 e se tornou cidadã canadense em 2011.

Mais em: Vistos e Imigração

Posts Populares

Topo

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!

Canadá na Web – Assine de graça!

Uma seleção das melhores notícias e artigos da internet sobre o Canadá, criada exclusivamente para assinantes. Digite seus dados abaixo e fique por dentro.

Cadastro efetuado com sucesso!