Siga-nos

OiCanadá

Papelada

Governo anuncia novo programa de imigração e recordes de recém-chegados para 2014

O Ministro de Imigração e Cidadania do Canadá, Chris Alexander, anunciou no dia 28 de outubro um plano de imigração que visa a gerar crescimento econômico para 2014 e garantir o desenvolvimento do Canadá para os próximos anos.

“Assegurar o crescimento econômico do país é, e continuará sendo, a prioridade do governo,” disse Chris. “O Canadá está competindo globalmente para atrair os melhores e mais brilhantes imigrantes, e esse novo plano foi criado justamente para atrair as pessoas de que o Canadá precisa para crescer.”

A estimativa do governo é receber entre 240 e 265 mil novos residentes permanentes em 2014, com a previsão de bater recordes tanto através do programa de imigração Canadian Experience Class (CEC) quanto do Provincial Nominee Program (PNP).

“Precisamos de imigrantes dispostos a fazer bom uso de suas habilidades, ideias e energia,” disse Chris. Para 2014, a previsão é de que a imigração com foco no desenvolvimento econômico do país seja equivalente a 63% do total de imigrantes. Os demais 37% irão consistir em refugiados, imigrantes que vieram pelo Family Class e os que foram aprovados em programas humanitários.

“Vamos continuar a diminuir os atrasos e tempos de espera, e a melhorar os serviços de processamento dos pedidos de imigração. Também vamos continuar a unificar famílias e oferecer refúgio para pessoas em situações vulneráveis,” afirmou Chris.

O Canadá também tem planos para transformar seu passivo processo de imigração econômica em um processo ativo de recrutamento, através de um novo sistema chamado Expression of Interest (EOI). A previsão para lançamento do novo programa é janeiro de 2015.

No dia 29 de outubro, Chris Alexander também anunciou um plano para reduzir o tempo de processamento das aplicações feitas pelo programa Live-in Caregiver Program (LCP).

Canadian Experience Class (CEC)

O CEC é um programa de imigração cujo principal requisito é ter 1 ano de experiência de trabalho qualificado no Canadá, além de nível avançado de inglês ou francês. O programa foi lançado em 2009 e trouxe 1,775 imigrantes e 770 cônjuges em seu primeiro ano. Em 2012, o CEC aprovou em torno de 5,943 imigrantes e 3,416 cônjuges. Desde seu lançamento, o programa já recebeu mais de 25,000 imigrantes.

Canadian Experience Class

Canadian Experience Class

Para 2014, o Canadá planeja receber até 15,000 imigrantes pelo CEC, o máximo já atingido através do programa.

Provincial Nominee Program (PNP)

O PNP é um programa de imigração específico para uma determinada província, com exceção de Quebec, que possui seu próprio programa de imigração, e Nunavut, que não possui um programa próprio de imigração. Depois de ser “indicado” por uma província, o candidato deverá aplicar para a residência permanente através do CIC.

Provincial Nominee Program

Provincial Nominee Program

Tendo recebido 1,250 imigrantes em 2000 e quase 41,000 em 2012, o PNP está planejando bater o recorde e receber entre 44,500 e 47,000 residentes permanentes em 2014. Devido ao PNP, 42% dos imigrantes econômicos — que aplicaram para programas de imigração com foco no desenvolvimento econômico do Canadá — decidiram se estabelecer em outras cidades que não Toronto, Montreal e Vancouver em 2012.

Expression of Interest (EOI)

Ter um emprego é o melhor caminho para se integrar economicamente em um país. Com isso em mente, o governo canadense está planejando lançar, em 2015, um revolucionário método para análise dos pedidos de imigração. O EOI vai selecionar imigrantes com base nas habilidades que interessam às empresas canadenses.

O sistema funciona em dois passos. (1) Candidatos à imigração demonstrariam seu interesse em vir para o Canadá fornecendo eletronicamente informações sobre suas formações, habilidades, experiência de trabalho, nível de idioma e outros atributos. Os candidatos que cumprirem um certo critério teriam suas expressions of interest (demonstrações de interesse) classificadas e posicionadas em uma lista em relação aos demais candidatos. (2) O CIC convidaria os melhores candidatos, incluindo aqueles com habilidades em demanda ou ofertas de trabalho, para aplicar para o visto. As EOIs que não fossem selecionadas depois de um certo tempo seriam removidas da classificação. Dessa forma, o governo pretender diminuir ao máximo o tempo de processamento de pedidos de imigração.

Live-in Caregiver

O LCP é um programa de imigração com foco em profissionais como babás, enfermeiros e companheiros de pessoas idosas ou com necessidades especiais.

“O tempo de processamento do LCP chegou a níveis inaceitáveis,” disse o Ministro Chris Alexander. “Nosso governo já diminuiu os acúmulos nas aplicações para trabalhadores qualificados, pais e avós. Agora é a vez do LCP.”

O Canadá vai receber 17,500 residentes permanentes através do programa Live-in Caregiver em 2014, quase o dobro do número em 2013. Esse também é o recorde de admissões desde que o programa começou, em 1993.

Nos últimos anos, o número de caregivers que têm completado seus trabalhos na área do programa e se tornado elegíveis para a residência permanente vem crescendo acima dos níveis planejados. Chris completou: “Live-in Caregivers vieram para o Canadá com a promessa de receberem a residência permanente após o término de seus contratos para cuidar de crianças, idosos e pessoas com necessidades especiais. Precisamos honrar nosso compromisso com eles.”

Conforme o LCP, o caregiver que completar 2 anos trabalhando no Canadá se torna elegível para aplicar para residência permanente. Para saber mais, leia a matéria Como trabalhar no Canadá cuidando de crianças e adultos.

Visite a página oficial do release sobre os novos planos da Imigração.

Veja a página oficial do release sobre Live-in Caregiver.

Continue lendo
Publicidade
Leia também...
Fernanda Thiesen

Fernanda é carioca, publicitária, co-fundadora e editora-chefe do OiCanadá, e web designer no SiteToaster.co. Imigrou para o Canadá no final de 2006 e se tornou cidadã canadense em 2011.

3 Comentários

3 Comments

  1. Jaqueline

    13/nov/2013 at 05:26

    Alguma mudança no Self Employed?

  2. Mirella (@mikix10)

    05/nov/2013 at 22:46

    Opa… espero que tudo isso realmente se transforme em realidade… pois o negocio estava muito lento.
    Vamos ver também o que o governo vai decidir para o programa Trabalho e Estudo no Canadá :)
    Abs

  3. junior dimbo

    04/nov/2013 at 09:12

    gostei muito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Papelada

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Topo