Siga-nos

OiCanadá

Papelada

Governo volta atrás e reduz imposto de renda sobre remessas ao exterior de 25% para 6,38%

O setor de turismo está aliviado. O Ministério do Turismo divulgou agora pouco a redução do IRRF sobre remessas ao exterior. A alíquota vai ser alterada de 25% para 6,38%, através de uma Medida Provisória editada pelo governo que será publicada amanhã no Diário Oficial da União.

O imposto havia se tornado um pesadelo para agências de viagens, operadoras e agentes de turismo, mas também assustou muitos viajantes, já que incide sobre remessas ao exterior, tendo impacto sobre reservas de hotéis feitas e pagas no Brasil, compras de bilhetes de trem e ingressos, por exemplo.

Segundo comentários na internet:

  • “Agora meio mundo vai bater palmas pela ‘redução’, esquecendo que na verdade houve um AUMENTO de zero para 6,38%, tática comum nesse (des)governo. Logo veremos a CPMF ser reduzida depois de (re)criada.” (Jonatas Elias)
  • “25% foi o bode. Tiraram o bode, enfiaram 6,38%, que já é uma alíquota elevada, e agora todo mundo ficou feliz.” (Fabio)
  • “É impressionante como conseguimos ‘comemorar’ a criação de um novo imposto. As pessoas e empresas estão felizes porque ano passado não se pagava nada e agora vão pagar 6,38%. A questão não é só os 25% serem uma aberração. Qualquer centavo de imposto a mais num país em que só se utiliza dinheiro público para farras em Brasília, é um aberração por si só. 6,38% é um absurdo quase tão grande quanto os 25%, não pelo percentual em si mas sim porque não há espaço para se aumentar mais os impostos na República dos Bananas. 0,01% a mais já seria um absurdo.” (Mauricio Laukenickas)

Leia o post completo sobre a redução.

Continue lendo
Publicidade
Leia também...
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Papelada

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Topo