Siga-nos

OiCanadá

Moradia

É bom negócio comprar um apartamento?

Conheço muitos brasileiros que me dizem ter receio de comprar uma casa, pois não lhes agrada ter que arrumar o jardim, cortar grama ou tirar a neve do driveway durante o inverno. Assim, pensam em comprar um apartamento em um condomínio, desejo também compartilhado por muitos canadenses, todos seduzidos pela ideia de ter menos trabalho com a manutenção da propriedade.

Os que estão interessados em comprar um apartamento ou casa em um condomínio (sim, existem condomínios de townhouses ou casas) têm que, antes de colocar uma oferta de compra, analisar bem os custos mensais de manutenção do condomínio, e também levar em conta os custos inesperados que possam aparecer. Estes custos, por serem compulsórios, poderão comprometer o orçamento mensal dos mais desprevenidos, porque o serviço de manutenção que não estamos dispostos a fazer tem um custo alto.

Por exemplo, um contrato de cinco meses com uma empresa para remover a neve de um driveway de dois carros de uma casa fica entre C$500 e C$800, dependendo da cidade. O mesmo seria para contratar os serviços de cortar a grama e cuidar de um jardim no verão. Mas no caso de um condomínio, este valor é muitas vezes maior, e não será o proprietário quem decidirá o quanto será ser gasto.

Se pensar em ser proprietário de um apartamento num belo prédio ajardinado, com piscina aquecida, sala de ginástica, salão de festas, etc, pense no custo para manter isso tudo, pois se por acaso algo quebrar ou precisar ser consertado, você vai pagar a conta mesmo que nunca tenha feito uso destes.

Os condomínios costumam ter um fundo de reserva para cobrir despesas extras, mas se este não for suficiente, uma cobrança a mais será adicionada na despesa mensal de cada proprietário. Já houve o caso de um proprietário que teve que pagar uma conta de C$12,500 a mais no mês, como despesa extra, devido ao custo com o conserto de uma rachadura na garagem subterrânea do prédio.

Categorias

Em uma recente entrevista, Kurt Rosentreter, conselheiro financeiro da seguradora Manulife, disse que há três categorias de pessoas que geralmente compram um condo: jovens profissionais que desejam ter seu primeiro imóvel e procuram um apartamento como opção mais barata, o qual poderá ser um primeiro passo para a compra de uma casa maior quando tiverem uma família, ou os que simplesmente procuram o conforto e lifestyle de um condo; aposentados querendo sair de uma casa enorme da qual não precisam mais (os filhos cresceram e saíram de casa); e por último, investidores que desejam comprar um apartamento e lucrar alugando-o.

Ele aconselha que seus jovens clientes não comprem um apartamento a não ser que planejem manter a propriedade por pelo menos 10 anos, e acreditem que terão um rendimento mensal consistente durante este tempo para poder arcar com as despesas mensais.

Para os aposentados que viverão de uma renda fixa mínima, ele aconselha cuidado na escolha do condomínio, pois um apartamento localizado em um grande condominio terá altos e crescentes custos de manutenção.

E para os que pensam em comprar um condo como investimento, ele também aconselha a comprar um condo somente se conseguir dar uma entrada grande para ter uma prestação de financiamento (mortgage) de valor baixo, pois os ganhos provenientes do aluguel do condo são pequenos e as despesas grandes. Muitas vezes o valor coletado pelo aluguel mal cobre a prestação do financiamento mais as despesas mensais com o condomínio.

Valorização ou não

Muito se fala que um condo é mais suscetível a sofrer desvalorização do que uma casa ou townhouse. Bem, o mercado canadense é forte, mas como todo mercado imobiliário, volátil. Se vai haver valorização ou desvalorização de um imóvel, em parte será determinado pela quantidade de imóveis similares à venda (mais oferta = preços mais baixos) e especiamente pela sua localização. Portanto, antes de comprar qualquer imóvel, analise bem a vizinhança, a proximidade com escolas, parques etc…

Comprar um condo ou qualquer outro tipo de imóvel é sempre um grande investimento, mas sempre de long term e de nem sempre imediata liquidez. Porém, se comparar com o mercado brasileiro, no Canadá, se o imóvel for colocado à venda com preço de acordo com o mercado, vende muito mais rápido do que no Brasil (em no máximo 60 dias).

Um último conselho, antes de comprar um apartamento (condo), certifique-se que seu realtor coloque uma cláusula (condition) no contrato de compra e venda (offer) requisitando que, antes de proceder com a compra, seu advogado revise as finanças do condomínio (status certificate), pois se houverem débitos ou cobranças judiciais em andamento, o novo proprietário também será responsável por eles. No caso de haver problemas com o financeiro, se esta cláusula estiver no contrato, você poderá sair fora do negócio sem perder dinheiro (o depósito que é efetuado junto com a offer). Precisa-se também averiguar se o fundo de reserva é grande o suficiente para cobrir grandes despesas, como no caso da rachadura na garagem subterrânea do prédio.

Finalizando e respondendo à pergunta que formulei como título deste artigo, acredito que sempre é um bom negócio comprar um imóvel, seja ele um condo ou uma casa, porque o valor do aluguel é muito alto se comparar com a prestação de um financiamento de compra (mortgage). É indiscutível que se comprar um imóvel, você estará construindo um patrimônio ao invés de perder dinheiro pagando o imóvel do proprietário (landlord). Porém, eu recomendaria que, antes de começar a procurar por um imóvel, procurasse se aconselhar com seu corretor e ou contador, para que possa tomar uma decisão mais amadurecida e consciente sobre qual imóvel seria mais adequado para você, sua família, suas finanças e seu lifestyle.

Continue lendo
Publicidade
Leia também...

Martha se formou em Jornalismo em Recife e veio para Toronto em 2006 para estudar Cinema, se formando pela Toronto Film School. Tornou-se cidadã canadense em 2014.

1 Comentário

1 Comentário

  1. Marcos

    13/nov/2011 at 11:29

    Rosa, parabéns. Seus artigos são sempre muito esclarecedores e de fácil entendimento. Apenas agora iniciei meu processo de imigração, mas você já foi escolhida para ser nossa corretora na compra do nosso imóvel quando chegarmos ao Canadá.
    Até lá…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Moradia

Posts Populares

Topo