Siga-nos

OiCanadá

Cultura

É legal ser ilegal?

O sonho de morar fora do Brasil e viver em um lugar com melhores condições tem levado milhares de brasileiros a permanecerem ilegalmente em vários países ao redor do mundo. Viver clandestinamente implica em inúmeras dificuldades, mas os que optam por esta condição têm, em geral, um objetivo: fazer um “pé-de-meia”. E Toronto possui um segredo impossível de se guardar: é a cidade que mais abriga ilegais no país.

Não existem estatísticas precisas, pois por razões óbvias se trata de uma questão obscura. Segundo dados do Consulado Brasileiro em Toronto, vivem hoje no Canadá mais de 15 mil brasileiros, não se podendo ainda mensurar o número de ilegais. O que se publica na mídia diariamente é que leis mais duras estão sendo aplicadas e que o cerco está fechando. Mas a realidade que se presencia por aqui é outra.

Com a sua grande maioria situada na região West de Toronto, os ilegais saem dos chamados “guetos” e se misturam dentre os demais, levando uma vida aparentemente normal e tranquila. Eles têm carro, carteira de motorista, casa própria, cartão de crédito, conta no banco e etc, e acreditam que vale a pena pagar um alto preço e correr o iminente risco da deportação. Com opções de trabalho limitadas, a grande maioria dos brasileiros ilegais vivendo em Toronto trabalha na construção civil ou fazendo faxina. É normal vir como estudante e acabar “ficando”, ou simplesmente entrar com o visto de turista já munido de “segundas intenções” para, quem sabe um dia, voltar ao Brasil com a tão sonhada estabilidade financeira.

Há  os que acreditam que as autoridades fazem “vista grossa”, pois o país precisa da mão-de-obra barata, como é o caso do nordestino A.B.F., em Toronto há 4 anos. Ele diz que veio “fazer dinheiro”  e tem o perfil típico do imigrante ilegal brasileiro: mantém o low profile (vive discretamente), trabalha no ramo da construção civil, manda dinheiro regularmente para o Brasil e sente muita saudade de casa. Engenheiro Civil no Brasil, A.B.F. é um jovem de 27 com poucas palavras, viu aqui a possibilidade de ganhar dinheiro aliado ao fato de não ter que pagar imposto. Com um salário de C$25 por hora de trabalho, ele diz que “o Canadá me deixou ficar. Sem a gente (ilegais), o país quebra”, diz com ar resignado.

Pra os homens existe a construção civil, para as mulheres, a limpeza. K.M., de 25 anos, veio de Minas Gerais há dois. Formada em Administração Hospitalar, não encontrou boas alternativas de emprego no Brasil e como tinha uma amiga morando em Toronto, seguiu o exemplo e veio “tentar a vida”. Hoje ela é cleaner (faxineira) trabalhando em um prédio comercial, no centro da cidade e divide um basement (piso abaixo de uma residência) na Rogers Street & Oakwood com o atual namorado, que também é ilegal. “Muitas vezes me pergunto o que ainda estou fazendo aqui. Acho que “fui ficando” e não me vejo voltando para o Brasil ainda. Dá pra juntar uma grana, mas não vejo futuro. Temos que traçar objetivos e penso na minha aposentadoria”, diz ela e completa. “Não sei se preencho requisitos para imigrar, acredito que meu futuro seja mesmo no Brasil, não me vejo sendo um fantasma pra sempre”, acrescenta. Um cleaner ilegal em Toronto ganha em média $10 por hora de trabalho, isento de imposto.

O cotidiano dos clandestinos é árduo. Trabalho pesado sem amparo de leis trabalhistas, aliado ao frio cortante, certas privações e ainda a saudade dos que ficaram no Brasil. Outros empregos comuns são em fábricas, lava-jatos, garçonete em bares brasileiros ou portugueses, ou landscape (jardinagem). Se for pego pelas autoridades locais, o clandestino é preso e aqui permanece até ser deportado ao Brasil. Antes disso, passa por um processo judicial até que o governo local compre sua passagem de volta. Muitas vezes, o deportado não pode mais entrar no país do qual foi expulso.

Regina Moura, gerente geral da “Total Help”, empresa que presta assessoria imigratória, jurídica e empresarial em Toronto, diz que mensalmente recebe mais de 30 pedidos de ajuda em processos de imigração. “Sei o quanto é difícil estar ilegal nesse país. O ideal seria que todos buscassem uma maneira de se legalizar, pois cedo ou tarde, o governo vai atrás e daí você já perdeu muitos anos de sua vida”, diz.

Será  que vale pagar um preço tão alto e viver no ostracismo, de forma invisível? Será que vale a pena viver em um eterno “jeitinho brasileiro” e fazer parte de um problema social? Regina Moura complementa e aconselha: “aprendam o inglês, estudem, ampliem os horizontes e no futuro vocês poderão ser o que quiserem. Ficar apenas trabalhando na limpeza ou construção, dia após dia, sem aprender inglês, só ganhando dinheiro, pode não parecer, mas é perda de tempo”, finaliza.

Continue lendo
Publicidade
Leia também...

Formada em jornalismo pela Universidade Potiguar, Amanda iniciou sua carreira no ano de 2000 em Natal, Rio Grande do Norte. Sempre cercada de livros, o gosto pela escrita, leitura e a vontade de ser jornalista vieram desde muito cedo, tão cedo que nem se lembra mais. O começo da carreira foi marcado pela atuação na área de assessoria de imprensa, com foco na comunicação organizacional, passando pela redação de um dos jornais mais importantes da cidade, até a decisão de vir pra Toronto, onde reside e atua como jornalista desde 2007. Além do jornalismo, carrega em si a paixão por livros, música, televisão, cinema e fotografia. Escrevendo para jornais atuantes na comunidade brasileira, ela agora escreve também para o OiCanadá. Curiosa, antenada e munida de um intenso desejo de aprender, para ela, conhecimento demais, ainda não é suficiente.

64 Comentários

64 Comments

  1. clovis

    23/abr/2018 at 11:49

    ~´pode não parecer, mas é perda de tempo”, finaliza`´ perda de tempo e ficar no brasil e ganha um salario minimo ou um pouco mais e nao conseguir adquirir nadaaa!ARRISQUE-SE o que pode acontecer e ser deportado obs com dinheiro no bolso!!!!!!!!!!!!

    • anonimo

      09/ago/2018 at 04:39

      Dinheiro no bolso??? Q eu saiba quando eh deportado a pessoa deixa TUDO no país dinheiro,casa ate filhos! O governo n devolve nada pq a pessoa ta cometendo um crime! So tem de volta se tiver alguem de confianca pra mandar.

      • Nara

        24/fev/2019 at 15:09

        Muitos depositam o q ganham em conta no Brasil. Conheço mtos brasileiros aí q cometeram crime pior q estar ilegal que é fraudar casamento p pegar papéis e hj são os principais exploradores da mao obra brasileira e os que se não for do jeito deles é preço deles, eles denunciam. Fraudar casamento e explorar mão de obra o q é considerado mão de obra escrava p sonegar impostos é ilegal imoral e crime maior q viver na clandestinidade. Viver invisível não mais crime qto criminosos se passando por patrões q ficaram legalmente legais.

  2. Edgar

    08/nov/2016 at 13:29

    Passam anos e anos e eu sempre leio e escuto o mesmo blá-blá-blá de sempre!
    Estudem isso, estudem aquilo, tentem ir de foram legal, e blá-blá-blá!
    Só que essa forma se reserva à pouquísismos perfis de pessoas, que tenham muita grana pra pagar estudos lá, ou que sejam o “pica das galáxias” na sua profissão.
    Agora o que ninguém me responde é: se o Canadá, ou EUA, ou Inglaterra, e etc, precisam de tanta mão-de-obra nas áreas de construção civil, limpeza, jardinagem, motoristas, e etc, porque não criam programas de imigração para trabalhadores “low profile” como costumam chamar? Muito simples não??
    Pois aqueles que querem imigrar da atual forma legal, pagando fortunas por cursos de idiomas e faculadades no exterior, na esperança de depois de formado conseguir um emprego na área, e depois entrar na briga para conseguir pontuação pra se tornar um residente permanente, não vão querer ver seus esoforços e dinheiro em vão, trabalhando “low profile”!

  3. fabio jose zanao

    22/mar/2016 at 10:35

    Tenho um amigo que adquiriu visto para estudar, ele ia ficar apenas em janeiro e decidiu ficar ate junho quando encerra o visto porem ele tem o visto só de estudante e não esta mais estudando. ele ta trabalkhando sem registro . isso pode?

  4. ronivon souza do carmo

    14/fev/2015 at 21:00

    sou pedreiro de acabamento tenho 44 anos se alguém souber de alguma empresa que esteja contratando proficinais da construçao civel para o canada por favor me mande uma resposta

  5. Israel Conceição

    12/jan/2015 at 00:46

    Ola boa noite a todos a vários dias estou pesquisando sobre canada sou Brasileiro tenho 45 trabalho na aria Industrial soldador qualificado não tenho formação superior comecei fazer inglês pelo que eu já pesquisei e difícil para pessoas igual a mim consegui visto de trabalho estou mim preparando para ir como turista nao tenho ninguém que conheço vou com a disponibilidade e disposição de trabalhar em primeiro lugar Deus em meu coração preciso de alguém para mim da uma dica ou talvez um apoio si alguma pessoa ler esta publicação deixi si guia por Deus e ele te fara saber o que mim falar ou mim ajudar.que Deus continue o -abençoado.

    • Gleibson Pereira da Silva

      20/jan/2019 at 16:49

      ola amigo li seu comentario aqui,e ai vc ja foi para o canada,conseguiu o visto de trabalho cm alguma empresa?Eu trabalho cm drywall tem um amigo que ta abrindo uma empresa la no canada e mi convidou pra trabalhar cm ela la mas tem aquela dificuldade que é o ingles esse é o passo principal pra vc ter ao menos o basico,mas eu aceitei o desafio e vou pra la sim se Deus quiser vai dar tudo certo.espero q tenha conseguido seu objetivo pois no brasil ta dificil pra se conseguir um teto pra vc sair do aluguel.

  6. claudio muller

    01/Maio/2014 at 15:31

    Gostaria de saber qual melhor jeito de ir pro canada pra trablhar aguem pode me ajudar tenho pouco dinheiro ????

  7. LIDI

    24/fev/2014 at 23:28

    muito bom seu artigo parabens !! terminei mh facu sou enfermeira quero ter um ingles fluente e sei que irei concegui mais nao aqui no brasil e sim no canada preciso de um lugar baratinho para fica sera que consigo me ajude a descobrir um lugar em toronto gente vamos fazer uma amizade me responde por favor bjuss..

  8. Cris

    20/fev/2014 at 17:54

    Ola,tenho um primo no canada morando com a esposa canadense por mais de 2 anos o que ele pode fazer para ficar legal?depois de 3anos ele ja consegue cidadania mesmo ilegal?

  9. edmilson

    08/nov/2013 at 10:05

    uma vez fora do brasil amigo , vc nao se adapta aqui nunca mais !!!!

  10. CRISTIANE

    28/jun/2013 at 15:53

    OI PESSOAL,

    GOSTARIA DE TIRAR UMA DUVIDA ,ESTOU INDO COM VISTO DE TURISMO P TORONTO SO QUE TENHO 2 FILHOS ELES VAO ESTUDAR NORMALMENTE ?POIS MOREI POR 1 ANO NOS EUA E ELES NAO TIVERAM PROBLEMAS.

  11. flor

    21/nov/2012 at 07:12

    olá, sou brasileira e estou em portugal a 7 anos, estou legalizada e falta pouco p pegar a nacionalidade, vou terminar meu curso de psicologia e quero ir p canada, é meu sonho, mas n domino o ingles ainda, preciso de dicas qto a questao de legalizar, pois sei o qto é dificil viver ilegal, quero saber qto a moradias e estudos tbm , pois quero falar bem o ingles e frances. c a ncionalidade portuguesa, tem alguma vantagem no que diz respeito a legalização?
    um abraço

  12. Victor

    16/jul/2012 at 13:05

    Desculpa os erros de pt…estou controlando uma maquina de 150 mil dollares e digitando no celular

    • geovany sousa

      18/jul/2012 at 22:21

      Ola victor, eu moro no brasil tenho vontade de ir pro canda, mais tenho que terminar minha faculdade, assim q eu termina eu vou dar entrada no visto
      vc poderia me manda seu contato. nao quero sair conhecendo vários brasileiro
      gosto mais de gente discreta, e ate mesmo pra vc me dar umas dicas ae
      meu email [email protected]

    • Luan

      31/jul/2012 at 23:21

      Hi victor!
      Gostei da sua história. Estou decidindo que país vou ficar por alguns meses. Acha q é uma boa ficar por aí ? Como tá a vida aí hj e axa que fica por quanto tempo por aew ??? se pider entre em contato. [email protected]

    • Heitor

      02/ago/2012 at 20:46

      Olá Victor! Estou pensando em ir pra o Canadá cara e estou vendo que ninguem melhor que você pra poder me dar umas dicas. Se puder, irei ficar muito grato. [email protected]

    • ailton

      04/abr/2014 at 10:49

      oi victor gostei da sua historia, estou muito interessado em ir para o Canadá
      quero estudar e trabalhar estou a disposição para viajar tenho inglês básico
      você pode me da umas dicas ou me ajudar com um emprego ai
      meu email [email protected]

  13. Victor

    16/jul/2012 at 13:00

    Tenho 20, me formei como tecnico de informatica ano passado no IFSP, enquanto estudava fazia estagio na prefeitura e trabalhava como recepcionista em um hotel juntando dinheiro para fazer intercambio…desde de 16 anos queria isso, sempre senti que o Brasil não era o meu lugar…unica coisa que sinto falta é do meu pai e da Praia… cheguei em TO dia 19 de janeiro com visto de estudante mas só tinha pago curso e homestay por 1 mes e levei 1500 dollares comigo…liguei pra uma brasileiro que achei no facebook para me pegar no aeroporto por que a escola cobrava muito caro, no caminho indo pra minha homestay falei que depois de um mes precisaria de um quarto…e emprego pra ja…ele falou que quarto ele tinha na casa dele e eu poderia trabalhar entregando jornal 2 vz por semana com ele…depois de 15 dias consegui um emprego em uma escola como cleaner, ganhava 12$hora trabalhei la por quase um mes e consegui outro emprego na construção…comecei com 15 depois 18 e agora 5 meses aqui to ganhando 20$h e vai aumentando…é incrivel ganhar em 4 dias aqui oque eu ganhava por mes no brasil com 2 empregos haha…fiz ingles por 2 meses cheguei no avançado e não aguentei mais era muito chato e aqueles koreanos falando tudo errado irritava…agora to fazendo um curso part time em um dos melhores colleges(Geroge Brown) pra entrar foi simples prenchi uma ficha e coloquei que era residente(dica de um amigo que ja fez college la)por que estudante internacional o valor é quase 4 veses mais, estou cursando autoCad visando a bom mercado tanto aqui como no brasil em caso de um dia eu voltar(maior pesadelo da minha vida..vou pro college 2 vezes por semana …estudo com pessoas que tem o ingles perfeito acho que to aprendendo mais do que na escola de inglês…nos outros dias encontro umas da “amigas” por pra mim é a melhor estrategia para aprender inglês, ter varias namoradas e aqui pra mim é muito simples…fico trocando menssagem o dia inteiro e de noite troco ligações…durante a semana durmo no apt de alguma…meu ingles ta melhorando rapido de graça e divertido…ja apliquei para renovar o visto estou esperando a resposta…não consigo voltar pro Brasil acho que entraria em depre…aqui eu pago minhas contas,estudo e ainda guardo dinheiro…ja viajei , ja fui em varios shows…tenho condições de comprar um carro bommas não preciao(moro,trabalho e estudo no centro)…eu to pensando seriamente em ficar ilegal, com muito medo de correr de ser pego mas eu acho que esse risco vale apena…alem doque não ando com brasileiro tenho bons amigos canadenses que até durmo na casa de alguns…ja viajamos juntos, a maioria são mais velhos e formados…eu sei que isso não garante não ser pego mas diminui bastante ficar longe de brasileiro e ter uma ID canadense….amigos falam para eu me casar mas sou muito novo…vou renovar até quando puder e me arriscar…se alguem tiver alguma pergunta ou curiosidade fico a disposição…sempre tive a sorte de encontrar pessoas boas no meu caminho que me ajudaram assim sendo eu quero fazer o mesmo…abraços…ps a empresa que eu trabalho esta precisando de funcionarios se alguem(homen)estiver a procura..

    • Vanessa

      17/set/2012 at 10:26

      Victor, achei muito interessante sua história e tb penso em ir para co canada com minha filha e meu marido, como não temos os requisitos para imigrar legalmente, acredito que vamos com visto de turista ou estudante mesmo. Mas tenho algumas duvidas, como abrir conta em banco e escola pra minha filha, vc pode me ajudar? meu email é [email protected]
      desde já agradeço.

    • EDUARDO

      18/set/2012 at 11:02

      Victor, bom dia.
      20$ p/hora, quantas horas por dia e quantos dias na semana ? sabe me dize sobre o salário no Cimento e Dry Wall ?
      abs

    • Paulo

      16/out/2012 at 19:18

      Olá Victor,

      Sou Português, e vou chegar a Toronto na próxima semana, com visto de turista é claro, se me puderes dar umas dicas de trabalho, agradecia-te.

      [email protected]

      • ana

        02/nov/2012 at 20:26

        boa noite, sou portuguesa e gostaria de saber como é que trato do visto para entrar no canada? tbm estou interessada em imigrar

    • Walisson B Silva

      28/Maio/2013 at 07:49

      Olá victo, meu nome é Walisson, e achei muito legal sua história, morei 5 anos na Inglaterra, voltei porém ainda sinto muita falta de viver em um país mais organizado. Hoje estou casado e iremos aplicar o visto, só estou com uma dúvida se aplico para visto de estudante para ter a possibilidade de eu ou minha esposa trabalhar full-time legal ou ir como turista e lá e ficar ilegal, sei que não é o ideal mas devido aos custos. Tenho um filho de 8 meses que irá conosco.
      Gostaria muito manter contato contigo vai aí meu email. [email protected]

    • CLAUDIO

      01/jul/2013 at 19:05

      OI VICTOR ,BOA NOITE.

      ME TIRA UMA DUVIDA ,FUI P OS EUA EM 2011 MOREI POR 1 ANO COM MINHA ESPOSA E 2 FILHOS ,RETORNEI AO BRASIL P RESOLVER UNS PROBLEMAS ,AGORA 2013 ESTAVA VOLTANDO COM MINHA FAMILIA P MORAR CHEGANDO LA FOMOS DEPORTADOS.FICAMOS SEM CHAO ,TIRAR O VISTO P O CANADA NAO TEM PROBLEMAS?VC PODE ME DAR DICAS DE ONDE MORAR,TRABALHAR ESCOLAS P MEUS FILHOS SE ELES ESTUDAM NORMALMENTE POIS , NOS EUA NAO TIVEMOS PROBLEMAS.NAO QUEREMOS FICAR ILEGALMENTE POR MUITO TEMPO E FACIL SE LEGALIZAR?

    • Felix

      19/jul/2013 at 22:59

      Ola Victor, tudo bom,caso possa responder
      Sou Brasileiro tenho 48anos tenho vontade de ir paraToronto, como e viver ai
      vou ter problemas devido a idade. e facil conseguir emprego sou analista em telecomunicação.

    • Iago de oliveira valerio

      01/nov/2013 at 17:45

      ola moro no Brasil e queria ir para o Canada pode me dar alguma dica?? vc aindaesta no canada??

    • Flavian

      02/fev/2014 at 19:04

      Me passa seu email?

    • Rafael

      08/abr/2014 at 11:36

      Victor, passa seu contato para mim, em breve pretendo estar chegando por aí!!

      Abs..

    • Anônimo

      21/jul/2014 at 20:25

      Vc pode me ajudar, estou muigo interessado em ir pro canada. Aguardo seu contato. Obrigado.

    • Luciano

      18/out/2014 at 17:54

      Oi tudo bem, quando saiu do Brasil levou quanto em dinheiro ja falava inglês a possibilidade de caso eu va para o Canada vc me guiar em algumas dicas

    • Marlene

      18/dez/2014 at 16:26

      Olá Victor, gostaria de informações de como imigrar para Canadá, vc pode passar o seu e-mail.

      O meu e-mail é: [email protected]

      Obrigada

      Marlene

    • erica

      01/abr/2015 at 16:56

      Vitor, to quase me arriscando como vc!

      Gostaria de saber quanto tempo de visto vc conseguiu de inicio e como aplicou para a renovação depois?

      Como conseguiu os empregos?

      Tem como ajudar quem sai daqui este ano ainda?

      [email protected]
      Abs.,

    • Dalva

      11/jan/2016 at 12:12

      Victor, se vc ainda estiver morando em Toronto, precisaria de um socorro seu…..Meu filho morou em TO em 2010, estudando por 10 meses e tenho meu irmão de criação que se tornou cidadão canadense, então meu filho tem casa pra morar. Desempregado no Brasil, pensa em voltar para TO. Tem Inglês avançado, pois fez intercambio um tempinho em TO e na Irlanda. Formado como professor de Artes. Poderia me sugerir que cursinho básico ele poderia fazer aqui por uns 3 meses antes de ir pra conseguir um emprego logo, ….ele gosta de cozinhar….mas pode trabalhar em limpeza ou construção, mas não sabe fazer nada nestas áreas.

    • Daniel

      19/mar/2016 at 12:15

      Vitor, morei em t\oronto estudando Ingles e estou tentando voltar…sem trabalho ha dois anos no Brasil. Pode me contactar? Tenho casa de um rio pra morar em Toronto. Me interessou muito o esquema do college e do trabalho na construçao. Vc aprendeu o oficio na obra mesmo?

  14. Sislaine Andrade Garcez

    14/jul/2012 at 17:40

    Oi Rafael sou advogada e meu cliente que está se divorciando e tem um filho menor com esta quer levá-lo para o Canadá para passear, ocorre que a ex de meu cliente vive com um Canadense e tem um filho nascido aqui também com este, caso ela não volte do Canadá meu cliente teria como pegar o filho de volta? A guarda é dela.
    Atenciosamente
    Sislaine

  15. Leandra

    01/jun/2012 at 14:27

    Pelo que li, o Brasil nao esta la essas maravilhas como andam noticiando ne. Eu estou na europa, legal, estou estudando ingles, ja falo bem, so que mesmo assim nao arrumo nada melhor que faxina e isso esta me deixando muito pra baixo, pq mesmo para esse tipo de emprego nao esta facil arrumar, e somos muito explorados. Acho que vou voltar para o Brasil, mais tenho medo, mais tenho saudades tambem, aff que dificil, o melhor mesmo seria a gente nunca sair do Brasil ja para nem ver como funciona outro pais e nao criar ilusoes.

  16. Max Marcondes

    23/Maio/2012 at 13:49

    Olá, adorei o post e gostaria de saber algumas coisas.

    Vou coloca-lá a par de minha situação. Eu sou cabeleireiro a 4 anos aqui no Brasil, tenho vários cursos renomados, mas a exploração sobre profissionais dessa área aqui são terríveis. Então conversando com uma amiga que mora ai em Toronto ela me deu a ideia de ir trabalhar com isso ai. Meu maior sonho é morar no Canadá.

    Como não me apito para a imigração acabaria ficando ilegalmente no país. Ai que surgem as duvidas, pois não quero ficar anos na ilegalidade.

    Imigrante ilegal pode dirigir? Pode estudar? Pode ter conta em banco? Quais são as maneiras de se legalizar estando ilegalmente no país?

    Se poder me ajudar com essas informações ficarei muito grato.
    Att Max Marcondes

  17. Marcio

    18/abr/2012 at 15:09

    Eu morei em Toronto durante três anos, destes dois anos e meio fiquei ilegal, eu tive um pouco de sorte, lógico que trabalhei na faxina durante este tempo, mas durante um pouco mais de um ano trabalhei em uma escola de inglês normalmente na parte de divulgação da escola para os brasileiros. Fiquei com muitas saudades de casa e resolvi retornar.

    Hoje sei que eu poderia ter dado um rumo melhor na minha vida por lá, ter aprendido muito mais o idioma, ou ter procurado meios para que eu pudesse realmente fixar residência por lá legalmente.

    Tenho novamente a possibilidade de morar em Toronto, porém, não quero mais a aventura de ser ilegal, mas como não sou formado aqui no Brasil estou aos poucos desistindo desta minha vontade, isso é uma pena, pois me identifiquei muito com o país e a sua diversidade cultural. Seria mais do muito bom poder vir pra casa sempre que a saudade batesse na porta.

    • Caio Pereira

      05/Maio/2012 at 13:29

      Marcio como foi para arrumar emprego lá e como fez para ficar por lá tamto tempo sem ser pego…
      planejo ir pra toronto mais tó com medo pois não tenho contato nenhum por lá..falo ingles medio e spanish fluente..como é acondiçao de vida por lá??
      espero sua ajuda.

      • Marcio

        14/Maio/2012 at 15:24

        Amigo,

        Ficar ilegal infelizmente não é nada bom, mas confesso que a minha vida por lá foi muito tranquila, pois eu sempre procurei andar na linha e viver normalmente, devemos em primeiro lugar escolher as amizades corretas, pois como nossos pais sempre nos falam, cuidado com as más companias. Procurar emprego é de boca a boca, eu arrumei meus empregos pelos amigos e colegas na escola.
        Vale a pena ir sim, se puder não fique ilegal.
        Mas se for, não vá imaginando que vai fazer muito dinheiro, se eu voltar novamente vou dar total atenção aos estudos, isso sim, faça o mesmo, estude.

  18. paulo

    15/abr/2012 at 17:39

    E ISSO AI PESSOAL MOREI NOS USA 9 ANOS E ESTOU AQUI A 3 LOUCO PRA IR EMBORA, E TRISTE VER OS FILHOS NAS ESCOLAS QUE E UM LIXO, A FALTA DE EDUCAÇAO E UMA COISA ABSURDA , VIOLENCIA, LADRAO PRA TODO LADO, OS PIORES EXEMPLOS VEM DOS POLITICOS , NAO SE PODE CONFIAR NA POLICIA, OU NA JUSTIÇA , OS CARROS SAO OS MAIS CAROS DO MUNDO E OS MAIS BARATOS NAO SE PODE CHAMAR DE CARRO, O ULTIMO CARRO QUE TIVE NOS USA FOI ACURA TL , AQUI DEVE VALER UNS 150 MIL, E SE PODE COMPRAR VC CORRE RISCO DE VIDA. AO RETORNAR A ESSE PAIS ME SURPREENDI COM O CRECIMENTO , O DESENVOLVIMENTO , A TECNOLOGIA, O PODER E O ALMENTO MAS DA BANDIDAGEM, NAO HA MAIS CIDADE DO INTERIOR TUDO ESTA DOMINADO, ESTOU TENTANDO DOCUMENTO PRA IR PRO CANADA OU USA, SE ALGUEM TIVER ALGUMA SUGESTAO OU ORIENTAÇAO , MEU EMAIL ……[email protected], QUERO SAIR DAQUI O MAIS RAP POSSIVEL DEUS ABENCOE A TODOS.

  19. Marcel

    04/jan/2012 at 07:58

    cada vez mais morro de vergonha, nao do meu pais, mas da cambada de vagabundos que toca e comanda o brasil. isso aq so vai melhorar daqui ha uns 1500 anos, isso se o mundo nao tiver acabado,rsrsrs.

    morei em ny, sofri igual a um cachorro, mas prefiro comer merda lá aonde tenho segurança e aonde o meu trabalho tem valor, ao invés de ficar aq nesse lixo governado por um bando de politicos que assumem cargos tecnicos e visam somente a reeleição, nao estando nem ai para a população ou muito menos o pais.

    e o povo, mais burro e ignorante a cada ano que passa, continua votando em politicos como jader barbalho, o FDP do sarney, e tem uma lista bem grande que da p esticar daqui ate o canada.

    quem estiver ai ganhando 10 ou ate 25 por hora, nao pense que vai chegar aq e vai ser um mar de sonhos. vc continua sendo um saco de estrume pro governo brasileiro, que nunca cuidaram nem de nós nem do pais.

    qdo eu morrer, se eu chegar no ceu e deus ou sei lá quem vai me atender, me disser que voltarei pra essa bosta, pedirei o ticket para o inferno, acreditem , é melhor que aq.

    • Aurelio

      05/jan/2012 at 19:12

      Marcel,
      Estou com voce!!!

  20. VINICIUS

    18/dez/2011 at 20:53

    MOREI POR 10 ANOS NOS USA E ERA MUIO FELIZ RESOLVI VOLTAR ACHANDO QUE O BRASIL TINHA MUDADO,MAS………..ESTOU AQUI DEPOIS DE 2 ANOS ESTOU SUPER FLEIZ E COM MEDO DESSE PAIS.MEDO DA CORRUPCAO,DA VIOLENCIA,DOS POLITICOS,DOS POLICIAIS,DOS HOSPITAIS.ENFIM DE TUDO .ESTOU PENSANDO EM VIVER COMO TURISTA AI NO CANADA E QUEM SABE VIVER PARA SEMPRE E QUEM SABE NAO VOLTAR NUNCA AMIS PARA ESSE BRASIL QUE SO E LINDO E MARAVILHOSO PARA DEPUTADOS,SENADORES E BANDIDOS.QUE TIPO DE TRABALHO PODERIA EU TER AI NA CANADA .LA EM BOSTON TRABALHEI COMO CAIXA,SUPERVISOR E EM LOJAS POIS MEU INGLES E BOM.

    • ARNALDO

      30/dez/2011 at 20:53

      EU TAMBEM VIVI NOS USA 9 ANOS E VOLTEI PRO BRASIL FAZ 2 ANOS E ASSIM COMO O VINICIUS NAO CONSIGO ME ADAPTAR NESSE PAIS. AQUI TUDO É MUITO DIFERENTE. COMO DISSE O EX PRESIDENTE FRANCES CHARLES DE GAULLE, O BRASIL É UM PAIS DE BRINCADEIRA. AQUI NADA FUNCIONA. CELULAR É UM LIXO, SIMPLESMENTE NAO DA PRA USAR, POIS NAO PODE LIGAR MESMO PRA OUTRA COMPANHIA POIS O PRECO É UM ASSALTO. QUE SAUDADE DO MEU CELULAR DA SPRINT, EU PAGAVA 100 DOLARES POR MES E ERA ILIMITADO PRA TODOS USA , CANADA E PORTO RICO. NAO TEM ESSA IDIOTISSE DE NUMERO LOCAL, NUMERO PRA CELULAR, SE É DDD OU SE O CELULAR É DA MESMA COMPANHIA QUE A SUA. A INTERNET É PROPAGANDA ENGANOSA. VC PAGA VELOCIDADE DE 5MBPS MAS NA VERDADE NUNCA É ESSA , E NINGUEM TA NEM AI, PORQUE NUM PAIS ONDE AS LEIS NAO FUNCIONAM, AS EMPRESAS PINTAM E BORDAM . A MESMA COISA ACONTECE COM TV A CABO , VENDAS PELA NET OU SEJA…. BRASIL NADA FUNCIONA MESMO. COMPREI UM GPS PELA NET DESSAS LOJAS BRASILEIRAS MALUCAS DAQUI, E QDO CHEGOU, O GPS SIMPLESMENTE NAO TINHA NENHUM MAPA INSTALADO DENTRO DELE HAUHAUHAUHAHAHAUA…. COISA DE BRASIL MESMO !!!!!! FIQUEI VARIOS DIAS TENTANDO RESOLVER O PROBLEMA POIS AQUI NO BRASIL INVENTARAM UM SISTEMA MALDITO LA DO MAIS PROFUNDO INFERNO, ONDE VC FICA OUVINDO AQUELAS MENSAGENS E NUNCA CONSEGUE FALAR COM UM SER HUMANO. ESSE PAIS É RIDICULO.
      TENHO 39 ANOS, E SE EU DEPENDESSE DE ARRUMAR EMPREGO NO BRASIL ESTARIA MORTO. SÓ ESTOU AQUI PORQUE TODO DINHEIRO QUE GANHEI INVESTI NA PECUARIA E AGORA GRACAS A DEUS ESTOU COLHENDO OS FRUTOS DO MEU NEGOCIO, MAS TO DESESPERADO PRA FAZER ALGUMA COISA ATE MESMO PRA SAIR DA OCIOSIDADE E CADE EMPREGO?????? TUDO AQUI TEM QUE FAZER UM CURSO PRA TRABALHAR. ATE PRA SER FRENTISTA DE POSTO DE GASOLINA ( PROFISSAO EXTINTA NOS PAISES DE 1 MUNDO) VC TEM QUE FAZER UM CURSO ACREDITAM ???? . É UMA FALTA DE RESPEITO COM O SER HUMANO ESSE PAIS CHAMADO BRASIL. ENFIM…. PODERIA FICAR AQUI E ESCREVER UM LIVRO SOBRE O TERROR QUE É VIVER NO BRASIL. O QUE MAIS FICO INDIGNADO É A DESIGUALDADE SOCIAL. QDO VC VIVE NUM PAIS DE VERDADE, VC VE QUE APESAR DAS DIFICULDADES E LUTAS AS PESSOAS TEM MUITAS OPORTUNIDADES E VIVEM UMA OTIMA QUALIDADE DE VIDA ENQUANTO QUE NO BRASIL, INFELIZMENTE OS BRASILEIROS SAO ESCRAVOS DESSE SISTEMA DOENTIO , CORRUPTO E INCOMPETENTE QUE IMPERA NESSA NACAO.

  21. Patricia

    23/out/2011 at 13:18

    Tem muitas reclamações dessa Regina Moura, gerente geral da “Total Help”, na internet gente. Fiquem espertos.

  22. Jair

    16/set/2011 at 19:16

    Ola, gostaria de uma informacao. Sempre tive vontade de morar no Canada, mas a oporunidade nunca chegou. Tenho hoje 56 anos, morei em Londres por 18 anos, tenho graduacao em Ingles e frances, BA em Artes pela Open University-Londres. Falo Frances e Ingles fluente, sou tambem sociologo, formado pela UNICID- Sao Paulo. Tenho dupla cidadania Brasileira-Italianoa, por isso pude morar na Inglaterra.
    Vou me aposentar daqui ha 4 anos. Teria possibilidade de viver no Canada apos aposentadoria?

    Obrigado

    Ajir

    • Bruno

      17/set/2011 at 10:26

      Jair, eu sei que certos países oferecem visto de residência para aposentados (como a Espanha, por exemplo) mas nunca ouvi falar sobre algo do tipo para o Canadá. Vale dar uma pesquisada na internet por “retirement visa” para ver se existe algo do tipo por aqui…

      boa sorte!

    • Daniel Bzrnovic

      05/jul/2012 at 04:59

      Jair, se voce possui cidadania italiana e possui tais títulos academicos, voce é do tipo de imigrante “desejável” pro Canadá. De uma olhada no site do Consulado. Abracos de Zurique.

  23. Talitha Moreia Santos

    30/jul/2011 at 08:42

    Olá! Tenho muita vontade de conhecer o Canadá e quem sabe trabalhar….gostaria de saber quais documentos necessários para viagem? Se necessito de visto do Consulado Canadense no Brasil? Em média quanto irei gastar com a viagem? Obrigada.

  24. marta

    29/Maio/2011 at 10:01

    vivi nos eua por 5 anos e valeu apena mesmo gracas a deus consegui mudar a minha vida financeira, o que eu consegui la jamais eu conseguiria aqui no meu pais infelizmente, quando retornei ao brasil em 2005 , achei tudo muito estranho e nao consegui me adaptar a nada principalmente na educacao brasileira , em 2005 fomos tentar retornar aos eua e fomos deportado ficamos frustados eu, meu filho e meu marido. tudo bem, mas nunca esquecemos daquele lugar maravilhoso, qdo foi em junho de 2010 meu marido foi p o canada e passou 5 meses e retornou ate que ele gostou e agora em 2012 agente ta planejando ir para ficar, mas to sabendo que no colegio so pode estudar depois que fizer 6 meses de ilegalidade rsrs, totalmente diferente dos eua e vamos apelar por uma possivel legalidade atravez de trabalho por la. adorei o seu relato

    • CLAUDIO

      31/jul/2013 at 16:21

      oi Marta tudo bem?? eu e minha familia tbm moramos nos estados unidos em 2011 pra 2012,tivemos que voltar pra resolver problemas, em 11 de julho de 2013 tentamos voltar pra la,, fomos deportados eu minha esposa minha filha de 15 anos meu filho de 11 anos,, estou em fortaleza,, vou da entrada no visto do canada,,gostaria de tirar umas duvidas com a sra,,vou deixar meu e-mail

      [email protected] aguardo retorno

      fica com Deus
      obrigado

  25. camila

    10/jan/2011 at 10:50

    ola, sou brasileira e tenho um filho nascido no canada, entao canadense… ele tera direito a escola e a saude? e sera mais facil para mim conseguir ficar legal? obrigada

  26. Frango

    29/dez/2010 at 01:17

    Ano que vem chego aí…vou renovando meu visto até não poder mais. Nem que entro em alguns cursos (college), mas quero permanecer o tempo que puder legalmente. Uma hora a gente CANSA de ligar a TV e ver politico ganhando 30mil por mês.

  27. Alexandre Roque

    14/fev/2010 at 19:44

    Matéria espetacular e verdadeira…
    Vivi no Canadá entre 2000 e 2004 trabalhando sempre na mesma empresa no ramo da construção civil e entrei com processo de imigração e após pouco mais de 2 anos foi negado… Tinha minha casa própria, um carro de passeio novo e um truck novo para trabalho… Fui obrigado a desfazer de tudo num prazo muito curto e a esperança de viver legalmente simplesmente chegou ao fim…
    Hoje sou casado e tenho dois filhos lindos no Brasil mas sempre com a esperança e aguardando a oportunidade de voltar legalmente para o melhor país do mundo na minha opinião.
    Quando voltei para o Brasil, simplesmente muito do meu dinheiro provindo do Canadá foi furtado de minha residência… mas tudo bem…
    Amo o Canadá mesmo sabendo que eles só querem elevar suas finanças, mesmo sabendo que apesar de ser um país multicultural, não aceitam as culturas dos imigrantes, mesmo sabendo que são os únicos a abrirem as portas para os paízes que vivem em conflitos oferecendo toda assistência, mesmo sabendo que não me aceitaram. Quero e vou conseguir imigrar com minha família mas não para viver como ilegais ou muito menos sermos mais um encargo para o governo…
    Conheci muitos brasileiros em Toronto que vivem no mundo das drogas, fazendo casamentos falsos, ou seja, pessoas que não mereciam estar ilegais… mas eu que derramei muito sangue literalmente no trabalho, hoje estou aqui no Brasil infeliz mas ainda com um pé no Canadá…
    Parabéns pela matéria e desculpem pelo curto desabado…

  28. Amanda Abreu

    14/fev/2010 at 18:03

    Alguns brasileiros chegam a pagar 12 mil dólares por um “casamento”.

  29. Livia

    12/fev/2010 at 15:45

    Infelizmente a lentidao do “immigration canada” nao colabora muito com a legalizacao das pessoas. Conheco muita gente que teria tudo para conseguir o PR mas nao tenta porque sabe da espera. Acaba vindo como turista e ficando.

  30. Martha

    12/fev/2010 at 15:28

    Eu acredito q para muitos dos brasileiros vale a pena ficar ilegal, especialmente aqueles que nao tem curso superior e a família é pobre no Brasil. Essas pessoas não tem oportunidade nenhuma la e aqui pelo menos conseguem juntar um dinheiro e ajudar a família. Conheci algumas pessoas que sustentam a família (pagam as escolas dos irmaos, plano de saude, mercado…). Não estou falando dos que tem curso superior e simplesmente gastam o dinheiro quase todo nas noites se divertindo. Falo do brasileiro q foi esquecido no Brasil, e aqui mesmo nao tendo direito a saude, tem oportunidade de ter dinheiro e dar saúde a familia q o Brasil nao cuida.
    E mais, com esse governo elitista, acho muito improvavel q alguém sem estudo consiga imigrar, pq alem de estudo essas pessoas nao tem gramatica (ingles) e falam o inglês do dia a dia. E esse governo só quer gente com ensino superior, trabalhando na área há mais de 4 anos. Então para esses ilegais a maneira de ficar legal é casando, e se for um casamento de negócios custara mais de 10 mil dolares. Conheço muita gente a procura desses casamentos, mas não é simples conseguir um.
    Esse assunto é bem polemico, só não podemos esquecer dos ilegais que no Brasil não tem nada, e mesmo se forem deportados depois de 10 anos, pelo menos fizeram um pé de meia, melhoraram a vida da familia e tiveram a oportunidade de viver num país de primeiro mundo.

    • rosania cardoso

      05/set/2012 at 03:27

      Gostei demais de sua visao sobre o artigo,foi a mais real,e franca.
      Moro em nz,tenho um partner kiwi,tenho 47 anos e ele 50.Como o Canada tem diplomacia com nz pretendo ir ao Canada um dia.Voce realmente se espresou com com informacao precisa.Aqui tambem nao e facil conseguir visto muito menos trabalho e o custo de vida ,muito alto,mas mesmo assim tem muitos brasileiros,e ate ilegais que estam aqui a muitos anos.Quem sai do Brasil tem suas racoes,eu penso que legal ou nao isso vai de cada um,se esta disposto a pagar um preco vale a pena,pelo menos nao fica a questao: sera que teria sido melhor?

  31. Jonas Ramos do Monte

    12/fev/2010 at 10:46

    Polêmico o artigo, trouxe-nos um assunto, de forma clara e objetiva, que muitos não tem a coragem de debater, preferem encobrir, agindo como se o mundo dos ilegais não houvesse.

    O que me deixou absorto em pensamentos foram os seguintes detalhes: os dois entrevistados possuírem curso superior e submeterem-se a situação de imigrantes ilegais. Mas cada ser humano tem as suas particularidades e são dotados de subjetivismo, então, sobre esse aspecto, calar-me-ei.

    Em relação ao fato de ter que pagar impostos, o problema não é pagar, mas se os impostos cumprirão os fins para os quais foram criados. Realidade diferente se “cruzarmos” o Brasil com o Canadá, onde naquele não vislumbramos de serviço público de qualidade.

    Defendo a dignidade humana, defendo a educação voltada para o humanismo, para aprendermos a necessidade do exercício da cidadania, da vida em prol da coletividade. Dinheiro e sucesso profissional, para mim, é consequência das práticas que cito neste parágrafo.

    É preciso que quando alguém pense em imigrar, leve em consideração os aspectos culturais do país pretendido. E, como brasileiro, peço-vos, levem o que temos de bom neste país, deixando os nossos vícios, nossas mazelas, principalmente, o famosos “jeitinho brasileiro” – nossa vergonha muitas vezes ostentada como motivo de orgulho -, no seu lugar de origem. Poderia dizer que, para muitos, a oportunidade de imigrar também deveria ser a oportunidade de reeducar-se.

    Parabéns pelo artigo!

    Jonas Ramos do Monte

  32. Rafael

    12/fev/2010 at 08:19

    Muito boa essa reportagem. Trabalho com isso todos os dias e para a nossa surpresa também há muitos Portugueses nessa situação. O processo de deportação às vezes é longo e dependendo do caso com uma multa muito alta. Nem sempre o governo paga a passagem ficando o deportee com o ônus da passagem. Bem já ví muitas histórias tristes, mas a maioria poderia ser evitada com um pouco mais de informação.

    • Paula

      25/fev/2013 at 09:38

      Gostei do teu parecer! Mas estou ciente de que como eu, muitos que vão para trabalhar na informalidade, estão cientes desses fatores, mas sabem que mesmo com o sacrifício diário, serem bem recompensados, pois jamais deixariam a sua terra! No Brasil, se trabalha e muito, mas não é e nunca será bem remunerado, a menos que mude essas leis arcáicas. Não sei como, mas estou decidida a ir trabalhar no Candá, apenas preciso de um voto de confiança de alguém que já está instalado legalmente no pais. Trabalho 9 horas por dia e recebo Bruto R$ 1600,00 salário de fome, pois o custo de vida, sobe à cada dia! Penso em trabalhar, trabalhar para poder economizar e quem sabe comprar a minha que é o meu sonho! Paula

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Cultura

Posts Populares

Topo