Siga-nos

OiCanadá

OCAD

Cultura

Feliz Aniversário, Toronto!

Toronto está comemorando 186 anos e a gente escolheu explicar nosso amor por essa cidade através do desenho de 10 artistas que curtem sair pelas ruas registrando pequenas cenas diárias em seus sketchbooks. 

O grupo Urban Sketchers nasceu em 2007 em Seattle, nos Estados Unidos quando Gabriel Campanario, um ilustrador e jornalista local, criou um fórum online para quem, como ele, curtia desenhar sempre diante do objeto desenhado, sem usar o recurso de fotos ou da memória. Hoje a ideia do Gabriel virou uma organização não governamental que organiza simpósios, workshops e outros eventos e que tem presença no mundo — só no Brasil, são 19 grupos.

  • Toronto nasceu oficialmente no dia 6 de março de 1834 e aqui a gente vê um desenho feito por Rodzillman da atual prefeitura da cidade.
  • Um dos grandes marcos da cidade é a CN Tower, inaugurada em 26 de junho de 1976 e que marca presença aqui pelo traço de Marion Younan.
  • O Flatiron tem cinco andares e esse formato triangular que lhe confere uma dose extra de charme. Ele foi erguido em 1891 e aqui surge na visão de David Chen.
  • O Honest Ed’s foi durante muitos anos uma verdadeira lenda na cidade, com seu estilo de venda exagerado e dimensões astronômicas, mas hoje é só lembrança que revive aqui na pena do artista Hasibush Shaheed.
  • A Destilaria é um conjunto de prédios industriais do século 19 na zona leste da cidade que virou ponto de arte, culinária e lojinhas descoladas e retratado aqui por Eugene Zhilinsky.
  • É impossível falar de Toronto e não mencionar o Lago Ontário e todo o agito que rola entre a orla da cidade e o conjunto de ilhas que pipocam à sua frente. E Amara Strand traduz um pouco desta relação da cidade com o lago aqui. 
  • Barbara Eguchi nos traz o Allan Gardens — a mais querida estufa da cidade. Esta verdadeira instituição torontoniana presta serviços enormes a quem está cansado do cinza do inverno e precisando ver um verde tropical para renovar suas energias. 
  • Um detalhe interno do mais diferente de todos os museus de Toronto — o Museu Bata de Sapatos — surge aqui pelas mãos de Michele LD.
  • E, por fim, temos Daria Rosen e sua versão do divertido prédio da universidade de design e arte, a OCAD. 

Matérias relacionadas

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Cultura

Posts Populares

Topo