Siga-nos

OiCanadá

Paladar

Os produtos brasileiros no exterior e seus substitutos

As dificuldades que brasileiros enfrentam para encontrar produtos no Canadá e dicas de substitutos que podem ser usados.

Primeiramente, muito obrigado pelos comentários positivos sobre a minha coluna de estreia. Estou muito contente com todos os e-mails recebidos. Esse espaço é nosso e, com certeza, muitos artigos ainda virão. Conto com a sua participação!

Na coluna passada, falamos da dificuldade em reproduzir o famoso temperinho brasileiro quando moramos no exterior. Hoje, vamos falar sobre outra dificuldade que encontramos aqui no Canadá ou em qualquer outro país: comprar produtos brasileiros e descobrir os melhores substitutos.

Às vezes temos a sorte de encontrar alguns produtos em Toronto, mas acho que a variedade é muito pouca se compararmos a produtos que vêm de outros cantos do mundo. Gosto muito de frequentar mercados étnicos em minhas aventuras culinárias e sinto falta de um grande supermecado brasileiro, como os que existem para chineses, japoneses, coreanos. Além disso, sejamos honestos, quando se trata de produtos brasileiros nem sempre eles estão frescos. Já encontrei muito biscoito recheado São Luiz aqui em Toronto, mas quando abri o pacote foi aquela decepção. Bate aquele sentimento de que o biscoito já viu dias melhores.

Jeitinho brasileiro

O que nos resta é apelar para a criatividade e jeitinho brasileiros.

São muitos os produtos que possuem versão similar de outra parte do mundo e são facilmente encontrados em mercados por toda a Toronto. O leite de côco (coconut milk) por exemplo. Eu uso o tailandês ou o indiano, que me deixam muito satisfeito. A mesma coisa em relação ao palmito (heart of palms) das Filipinas, que uso no meu salpicão. Aliás, nenhum salpicão pode ser considerado verdadeiro se não tiver batata-palha. No passado, ela ficava escondida e empoeirada no fundo das prateleiras dos supermercados portugueses mas, hoje em dia, devido à sua crescente popularidade, ganhou status de produto de frente-de-loja. Procure por potato sticks da marca Herrs que funciona do mesmo jeito. Eu adoro! Uso com tudo. Se bobear, como pura mesmo, direto do pacote.

Em relação à farofa, até agora realmente não achei uma substituta à altura. O jeito é comprar aquele saquinho de farofa pronta, do qual sinceramente não sou muito fã. Acho seca demais. A solução? Acrescento uma cebola picada e refogada na manteiga, ovos mexidos, azeitona picadinha, passas, e junto a farofa pronta. Na hora de servir, ainda coloco bastante salsinha picadinha e pronto! Gostinho de domingo em sua casa, em plena Toronto. Quer mais? Basta comprar um frango assado (não temos padaria em Toronto) e uma bela salada de maionese (ou salada russa), que seu dia vai ficar realmente com cara de domingo. Mais do que isso só se sua amada avó vier do Brasil para comer junto com você!

Mandioca e pão de queijo

Adoro comprar mandioca congelada! Acho super prático e nem sabia que ela vinha da Costa Rica. Após comer na casa de uma amiga, tenho sempre um pacotinho aqui no freezer.

Aliás, mandioca em inglês é mandioc ou cassava. Não pense que cassava flour é farofa. Na verdade, cassava flour é equivalente ao polvilho, essencial para fazer o nosso pão de queijo. Ai que saudade! Bem, não vou me estender muito no quesito pão de queijo, porque ele merece um artigo dedicado somente a ele.

Carnes

Outro problema que enfrentamos aqui são as carnes canadenses. Não vejo graça nenhuma nos bifes ou no frango. Carne moída, então, nem pensar. Sem contar que os preços também não são nada atrativos. Churrasco brasileiro com carne, linguiça, asinha de frango, coração e picanha, muita picanha? Venda a sua casa primeiro!

Tenho certeza de que todo brasileiro ficou confuso na hora de comprar carnes e frios aqui. Ainda me lembro de um dia, quando morava nos EUA, em que fui ao supermercado comprar presunto fatiado e não tinha a menor noção de pesos e medidas. Na minha vez de pedir, falei 300 libras de presunto fatiado, pensando em 300 gramas. Vocês podem imaginar a cara da moça quando ouviu o meu pedido (300lbs = 136kg). Por isso também estou postando um link o final do artigo sobre pesos e medidas.

3313482978_dc018c4b41_b_ok

Imprima esse glossário e leve-o com você na sua próxima visita ao açougue! Peguei em um site de uma churrascaria e, de acordo com as minha experiências culinárias, está tudo bem certinho. Os nomes das carnes com um asterisco são os melhores cortes para churrasco.

0l – rabo = tail
02 – lagarto – rump
03 – coxão duro = shank
04 – coxão mole = roast beef
05 – músculo = shank
06 – patinho – ground
07 – aba de filé – flank
08 – ponta de agulha – brisket
09 – capa de filé – rib eye
10 – acém – boneless chuck eye roast
11 – braco/paleta = shoulder
12 – peito – neck meat
13 – pescoço – neck
14 – filé de costela – short loin
15 – picanha – rumptsteak *
16 – alcatra – top sirloin *
17 – contra-filé – sirloin *
18 – filet mignon – tender sirloin *
19 – fraldinha – bottom sirloin *
20 – filet de costela – strip loin *
21 – maminha de alcatra – trip tip *
22 – cupim – hump *

Derivados de leite e outros produtos

No caso do requeijão já tentei de tudo e nada deu certo. Cream-cheese não é a mesma coisa, e ricota também não dá. Eu já me deparei com diversas receitas na Internet, mas confesso que nunca tentei nenhuma. Portanto, se alguém já tentou, me fale!

Uma surpresa agradável que tive aqui foi em relação ao leite condensado. Olha, até que eu gosto e encontro marcas de boa qualidade. Eu sei que a embalagem é estranha, mas pode comprar sossegado porque eu acho tão bom quanto o nosso.

Outros produtos dos quais temos saudades:

  • Danoninho
  • Yakult (Já encontrei em Chinatown! Adoro! Compro sempre)
  • Suco de caju e de maracujá (Tem nas lojas portuguesas)
  • Polpa de frutas congeladas
  • Pão francês saindo de manhã bem quentinho na padaria!
  • Queijo prato e Minas
  • Goiabada (Tem em lojas de produtos latinos)
  • Chokito (Nossa, desenterrei)
  • Bombom Garoto (Também se encontra nas lojas portuguesas)
  • Nescau (Já vi para comprar)
  • Farinha Láctea (Também tem para comprar)
  • Kibe (Já fui atrás em vários supermercados Árabes, mas não é a mesma coisa)
  • Pastel de feira com caldo de cana (Cheguei a sonhar outro dia)

Essa lista com certeza continua… Deixe comentário dos produtos que você sente saudade! Vai ser divertido!

Salgadinhos

Já estive em muitas festas brasileiras em Toronto com salgadinhos de festa encomendados, mas feitos por brasileiros. Sei que vão me matar mas, até agora, não encontrei um salgadinho decente. O que as salgadeiras precisam entender é que o trigo canadense é mais denso do que o brasileiro, e as medidas precisam ser mudadas ligeiramente, assim como a quantidade de gordura na receita (a manteiga ou a margarina precisa ser aumentada um pouquinho). O resultado é que salgadinho feito com trigo canadense é sempre mais pesado e mais seco do que os brasileiros. E convenhamos, amigos, coxinha de galinha sem Catupiry não dá não. Cream-cheese também não serve nesse caso.

Já tentei engolir o bolinho de bacalhau de uma certa confeitaria portuguesa famosa aqui em Toronto, mas não conseguiram me enganar. Bolinho de bacalhau feito com purê de batata pronto é quase caso de prisão! Sem contar que servem frio, e fritura fria também não dá, né, minha gente? Agora você imagine o estado do pobre do bolinho. E tem gente que adora! Mas, tem gente pra tudo… O mesmo acontece com o pastel de camarão. Fritam de dia e o coitado fica o dia inteiro lá no balcão, e ainda colocam bem grande que ele é à moda brasileira? Estou ligando para a embaixada agora!

Bem, na próxima coluna vou falar mais sobre produtos substitutos e também dar dicas de receitas baratas e simples para o dia-a-dia.

Até a próxima!

Continue lendo
Publicidade
Leia também...

Após ter trabalhado em várias empresas como a Air Canada e IBM, Rafael se formou pela George Brown College em Artes Culinárias, mesmo tendo diplomas nas áreas de Ciência da Computação, Linguística e Literatura. Mesmo com o curso de culináriia, ele está sempre em busca de novas aventuras no mundo gastronômico, seja descobrindo novos ingredientes ou provando pratos inusitados. Hoje em dia, Rafael Alcantara atua como intérprete e tradutor oficial para a imigração canadense, a Corte de Justiça da Cidade de Toronto e integra o corpo de intérpretes do maior hospital do Canadá.

77 Comentários

77 Comments

  1. Najara

    26/mar/2018 at 14:49

    Olá meu nome é Najara trabalho com linguiça artesanal de porco boi ou frango de vários sabores.Exemplo frango com ervas finas, porco com tomate seco e azeitona,…dentre outras hoje temos 25 sabores diferentes. Caso haja interesse contate-me via email ou telefone poderei passar mais informações. Gostaria muito de exportar. Mas a caso vc more aqui no Brasil e tenha interesse também pode entrar em contato. Telefone e 5511945737794. Obrigada

  2. Luciana

    31/dez/2017 at 13:57

    Onde vc encontra farinha lactea?

  3. Aquino

    28/dez/2015 at 17:20

    Pretende montar uma pastelaria em Toronto.
    Tenho 2 otimas pastelaria aqui em Sp Brasil. Mas estou com essa ideia que acham.

    Aquino.

    • Ana Paula

      13/jan/2016 at 21:54

      Alguém sabe onde posso encontrar pastel no Bronx? Moro em NY há 3 anos e nunca comi pastel, no Bronx não tem muito brasileiros, é muito difícil achar nossos produtos, se alguém souber por favor me avise.

  4. William Jr

    12/dez/2015 at 04:53

    Hey! Tudo bem? Bom diiiia!
    Tem algum substituto para Farinha de Quibe/Kibe?
    Não encontrei nada até agora.
    Obrigado pelas dicas no site! =*

  5. sara

    11/out/2015 at 07:36

    alguiem conhece alguna loja na Espanha que eu possa compra goma de tapioca hidratada, pronta para fazer? ou em que pagina web eu posso fazer um pedido para que eles me enviem tapiocas a Espanha?

    • Sérgio

      20/out/2015 at 10:19

      Olá

      Sara,
      Sou distribuidor de Goma de Tapioca em São Paulo estou precisando de um parceiro comercial no exterior quem sabe podemos fazer grandes negócios…

      • Rodrigo

        17/fev/2016 at 17:26

        ola sergio, eu moro na França e a farinha de tapioca pra fazer a goma encontra com ate certa facilidade aqui, qualquer loja asiatica ou africana tem e tb as lojas portuguesas, desculpa cortar seu barato mas o que é dificil mesmo de achar aqui é a farinha de milho pra cuzcuz do brasil e polpa de fruta vc conseguindo exportar teria bons resultados! vc conseguindo exportar esses 2 produtos eu me interessaria na parceria! abç

  6. Thiago Brito

    20/ago/2015 at 12:18

    Olá! Fiquei curioso e gostaria de perguntar: quais caldos industrializados (tipo knorr) americanos/canadenses são bons/ótimos? Me parece que os gringos são melhores do que os brasileiros. Agradeço a atenção

  7. luiz

    07/abr/2015 at 07:23

    não tem nada da pesquisa ai que a minha professora maondou

  8. Larissa Aluchna

    22/dez/2014 at 00:29

    Estou morando em Kissimmee, estou tendo que aprender a comprar novamente rsrs Muita coisa tem no mercado, mas não na tradução ao pé da letra. Aqui em Orlando tem mercado brasileiro (ainda não fui até lá para conhecer) ouvi dizer que lá tem tudo o que senti falta.
    Mas a experiência é muito boa, pois estou experimentando várias outras coisas hehe
    Churrasco, saudades!! rsrs A carne bovina realmente impossível de comer, mas aqui tem muitos mercados hispânicos que vendem outras carnes com o mesmo sabor do Brasil.
    Senti muita falta do sushi igual do Brasil, mas me arrisquei a fazer e deu certo (eu nunca tentaria pq achava que era um bicho de sete cabeças)
    Estou sentindo falta de alguns produtos (farinha láctea, farofa temperada yoki, nescau…) mas vou confessar que o que mais sinto falta é do cafezinho do meu pai com queijo caipira que ele trazia da chácara e de todas as comidas que minha mãe faz… Isso não tem nada igual…

    • Walter

      27/jan/2015 at 23:09

      Oi, sem querer fazer propaganda, mas semana passada estive de férias em orlando e descobri que tem farinha yoki no Silva’s Market na kirkman road é só procurar. Tem outros produtos também, talvez te ajude.

  9. Mariane Oliveira

    11/dez/2014 at 11:23

    Olá! Me mudei faz três dias para Toronto, região de Etobicoke e já estou planejando as compras do supermercado.
    Sabe me dizer se existe aqui ou algum substitudo para Creme de Leite e Glucose usado na culinária? O pessoal daqui não soube me dizer…

    Muito obrigada!

  10. isac mendes cipriano

    04/out/2014 at 16:17

    ola, sou brasileiro moro no brazil,quem quiser comprar mandioca me mande um email, que eu mando por sedex ,a vacum esperimente o sabor brasileiro na sua casa.

    • joao

      29/dez/2014 at 14:06

      qual o teu email para que eu possa comprar farinha de mandioca.
      orbigado

    • Jo

      13/abr/2016 at 12:13

      qual e’ o seu email Isac?

  11. Ricky. Bradbury

    18/ago/2014 at 13:29

    Olá. Gostei muito de sua matéria. Nunca imaginei que aqui na China onde eu moro, eu consiga comprar mais produtos conhecidos nossos no Brasil do que em Toronto. Outra coisa, achei muito engraçado quando você contou que pediu 300 libras de presunto. Um grande abraço.

  12. Isabela

    16/jul/2014 at 20:08

    Alguém sabe onde compra erva mate pra tereré em Toronto???

  13. Solange

    08/jul/2014 at 05:26

    Moro em UK…a principio foi dificil encontrar coisas mas achei facil me adaptar. Farinha de mandioca tem em fartura no supermercado indiano pois eles tbem consomem(Coarse Ground Cassava..da marca Gari)…igualsinha a nossa. Calabresa pode ser substituida pela Polonesa Kolbasa ou Wiejska. Pao de queijo : tem no supermercado chines a base do pao de queijo (polvilho)…se chama Tapioca Starch vem da Tailandia…dai vc tem q. colocar a mao na massa e fazer. Ta cheio de receitinha em sites do Brasil.

  14. Van

    27/fev/2014 at 11:23

    Gente esclarecendo sobre a FARINHA LACTEA, faz mais ou menos 3 anos que a secretaria da saude americana proibiu a entrada dessa farinha especialmente fabricada no Brasil por conter em sua formula um composto que foi proibido no US. Agora nao lembro mais o que eh, mas eh algo que no Brasil eh considerado inofensivo. Caso voce encontre essa farinha em algum mercadinho brazuca pode ter certeza que ela chegou ali na prateleira de alguma outra maneira que nao pela importacao legal. Nos mercados normais e latinos tem um equivalente numa lata verde, nao lembro o nome agora, acho ate que eh da nestle… Mas eh equivalente… Passa bem longe da farinha lactea mas eh fibra e farinha igual…

  15. Carol

    08/set/2013 at 18:26

    Olá, moro em Arkansas e estou louca para encontrar uma farinha, mas comprei alguns pacotes achando que era, mas quando abri tem a textura de trigo, mas nao é trigo, segundo a tradução é farinha de milho. Que achei na ala mexicana do walmart. Aqui nao acha produtos brasileiros, só achei o creme de leite e leite condensado, que são mexicanos. Mas estou me virando, o meu problema mesmo é a farinha, já procurei em sites, mas nao encontro onde vende. Se souber de algum site, me avise. Gostei das suas matérias! Boa sorte!

  16. Jaqueline

    06/set/2013 at 09:47

    oieeee…. será que alguém pode me dizer onde tem chá Mate Leão em Vancouver pra comprar??
    plissssss

    [email protected]

  17. Brena Chrisly

    30/ago/2013 at 10:13

    adorei exelentes dicas

  18. Mariana

    12/maio/2013 at 12:29

    Adorei! Moro nos EUA em Alabama onde não tem nem um brasileiro, então tudo é difícil de achar. Uma coisa que eu sempre compro e o pão de queijo marca Chebe no site da Amazon, é ótimo. Uma outra coisa que eu acho aqui e a lingüiça calabresa portuguesa da Gaspar. Achei um requejao em uma loja árabe mais acho ele muito ruim :( Boa sorte aí no Canadá!

    • Sumaya

      08/abr/2014 at 13:08

      Como voce achou linguica calabresa?? Moro em nova york e nao acho de jeito algum! Obrigada!!

  19. Lizia Oliveira

    22/dez/2011 at 15:32

    Oi! vc disse q a farinha lactea pode ser achada pra comprar por aki. Qual seria o equivalente entao em ingles? Obrigada!

    • Ocimar

      24/jan/2012 at 21:11

      A farinha lactea pode ser encontrada nos supermercados portugueses, como o Tavora, 2 lojas em Toronto e uma em Mississauga. Vem numa caixa e se chama CERELAC, da Nestle. A caixinha e amarela igual o da farinha lactea mesmo, mas observe q tem o de sabores, entao nao confunda, compre o original. Tem uma outra farinha lactea portuguesa tambem chamada Pensal, da pra enganar…

  20. Wesley

    30/nov/2011 at 00:56

    Fantástico! Obrigado.

  21. Marcia

    24/out/2011 at 01:52

    Muito, muito legal ter encontrado o seu artigo. Estou aqui nos EU ha mais de vinte anos, e AINDA, procuro sempre pelas minhas coisinhas brasileiras. Alias, o inverno esta chegando (Phoenix-AZ e diferente) e nao sei a hora de fazer aquela bela feijoada! Parabens pelo seu empenho e sabedoria que de uma certa forma esta unindo o nosso povinho aqui do outro lado. Tudo de bom para voce!
    Marcia

  22. Tania

    08/out/2011 at 08:56

    Ola

    Adorei estas dicas..
    Moro em Edmonton, eu ja encontrei farinha lactea em uma loja de Africanos, na 106 street.

  23. Tony

    01/set/2011 at 00:42

    Muito legal o artigo, esta de parabens.
    Eu moro nos EUA a alguns anos tambem, e sempre tive problemas achando os produtos brasileiros.
    A unica coisa que eu vi que voce pode ter se confundido eh a picanha.
    Nos EUA a pelo menos,
    Picanha= Top Sirloin Cap

  24. Rafael S.

    07/jun/2011 at 16:27

    Olá pessoal, parabéns pela matéria e pelas dicas úteis nos comentários!

    Alguém sabe onde comprar uma boa linguiça calabresa em Toronto?

    Eu sou doido por essa iguaria, pizza calabresa é minha perdição e uma das coisas que eu mais sinto falta do Brasil, e até agora tive muita dificuldade em achar “aquela calabresa” mesmo ja tendo procurado bastante em quase 2 anos aqui.
    O mais parecido que achei até agora foi uma smoked sausage que vende em um açougue no St. Lawrence Market, quase em frente a padaria bem no centro do corredor principal do mercado, no nível superior. É boa, dá pra matar aquele “craving” eventual, mas ainda não é “aquela”.

    Uma em particular que eu gostaria de experimentar é a calabresa que fazem no restaurante Rio40, no aperitivo que é servido com aipim (a calabresa da pizza deles não parece ser a mesma, é menor em diâmetro e o sabor não é muito bom…). Eu já perguntei lá e me disseram que compram no açougue Rui Gomes (St. Clair West, entre Dufferin e Lansdowne, uma quadra a oeste do Rio40), mas lá, assim como em todos os outros açougues portugueses que já fui (Pavão, Nosso Talho…) eles nem sabem ao certo de que se trata, e o mais parecido que vendem são uns choriços portugueses e blood sausages. Açougue Brasileiro mesmo aqui em T.O ainda tá em falta…

    E aí, alguém sabe onde comprar uma autêntica e brasileiríssima calabresa em Toronto? To disposto a ir bem longe por ela, ahaha!

    Obrigado, e um abraço.
    Rafael.

    • Andre Luyiz Silva

      08/jun/2011 at 16:47

      Rafael, estou postando aqui do Brasil mesmo. Se você quiser, me mamda seu endereço que tento te enviar um bom pedaço. Abraço na turma tupyniquim que esta ai com você.

  25. Le

    01/jun/2011 at 11:37

    Ah, pra pastel dá pra usar massa para fazer eggroll, não é a mesma coisa, mas quebra um galho nos momentos de saudade! =) Tem pra vender no Metro onde ficam as verduras e frutas refrigeradas.

  26. Le

    01/jun/2011 at 11:34

    Achei pão de queijo pronto pra vender no Rui Gomes! Muito bom! =)

    http://www.paraminhamae.com/pao-de-queijo-pronto/

    E essa receita de pão de queijo é a melhor que eu já fiz até hoje, fica perfeito!

    http://www.paraminhamae.com/pao-de-queijo-para-quem-mora-fora/

    A única coisa de fato que não dá pra comprar aqui é erva de chimarrão, todas as que eu achei aqui não são vendidas a vácuo e quando a gente abre estão 100% velhas! =(

    Muito bom o post!

  27. Glair

    01/jun/2011 at 01:19

    Farinha Lactea???? Onde??? Quando???? que????

    não achei em lugar nenhum…e meus filhos adoram banana com farinha láctea.

    Adorei os nomes das carnes em inglês, copiei e agora vai andar sempre comigo.

    obrigadaaaa pelas dicas.

  28. deoene

    09/maio/2011 at 16:56

    acho que seria pedir demais achar biscoito treloso em Toronto,neh?

  29. Adriana Bento

    22/dez/2010 at 21:04

    Olá Rafael

    Parabéns, o artigo é muito bom, para os Brasileiros que procuram farinha para uma boa farofa, vai depender qual o tipo que cada um gosta, eu compro no Rui Gomes que fica na 874 Bloor St ela é da Yoki era a mesma que usava no Brasil e meus filhos adoram.
    Agora fico mas esperta com os prazos de validade, já comprei café vencido e estava horrivel, fora isso não tenho problema com o gostinho Brasileiro, sempre tenho feijão preto e arroz Camil em casa o sabor é outro.
    Estou no Canadá a 7 meses sou ex atleta de vôlei de praia e agora técnica de vôlei de praia de uma dupla Canadense,não temos praia, nesse inverno treinamos em quadras cobertas e aquecidas isso é fantastico no Canadá e no verão na THE BEACH. Para os brasileiros que gostão de volei de praia a dica é North Beach Volleybal e Beach Blast esse segundo estou iniciando escolinha para crianças de 6 a 11 anos a galerinha adora a brincadeira na areia, e para os papais o lugar é muito bom vale a pena conhecer.
    A todos os Brasileiros sucesso nessa nova jornada no Canadá.
    E Rafael parabéns novamente, entrei sem querer procurando amido de milho. Sabe se existe substituto para isso.
    Abraço e boas festas

  30. BRVTVSBR

    22/nov/2010 at 07:29

    CARA MUITO LEGAL ESTE ARTIGO GOSTEI MUITO DA LISTA DE CARNES. SEMPRE TIVE DUVIDAS MAS NUNCA TINHA VISTO UM RELAÇÃO BEM FEITA COMO ESTA PARABENS

  31. Nilton Hélison

    03/maio/2010 at 15:57

    Ola como estas tudo bem? Meu nome é Nilton Hélison.
    Moro no interior do Rio Grande do Norte. Vi o seu MSN na internet em uma coluna de produtos Brasileiros .
    Tenho interesse em vender e exportar manteiga da terra conhecida também como Manteiga do Sertão ou Manteiga em garrafa. Assim como varias comidas da culinária do sertão Brasileiro. Tens interesse? A cidade que resido e conhecida como a capital mundial da carne de sol e do queijo, e seus derivados. Tenho muito interesse na exportação. por isso por isso estou a lhe escrever esse e-mail . caso não tenha interesse gostaria de uma opinião sua já que estas as residi em Vancouver

    Desde de já agradeço :
    Atenciosamente Nilton Hélison

    • Nartila

      05/ago/2010 at 21:20

      Olá Nilton,

      Estoou morando em Vancouver a pouco tempo, mas ja sabia que produtos brasileiros sao dificeis de encontrar em qualquer parte do mundo. Primeiro porque nos adaptamos muito bem aos outros locais e culturas e, segundo, bom nao sei porque e muitos amigos de diferentes paises me dizem a mesma coisa, brasileiro nao aprendeu a valorizar e exportar sua comida…qd isso acontecer comida chinesa já era!!!

      Enfim, estou louca para abrir um negocio aqui so de produtos Brasileiros…genuinamente Brasileiros….produzidos e trazidos da Terrinha.

      Ainda nao tive tempo de fazer minha pesquisa de mercado e nem de pesquisar como funciona importacao e exportacao entre Brasil e Canada.

      Vc ja tem uma ideia sobre importacO E EXPORTACAO? Vc podia ser o meu primeiro parceiro!!!!

      Abracos,

      Nartila

  32. Chris

    18/mar/2010 at 13:15

    Muito legal!!! Amei a lista das carnes, passei cada dificuldade, e não entendo muita coisa de carne então ficava olhando horas pros pacotes! lol Eu fiz coxinha lá com cream cheese e ficou muito bom, um pouco diferente, mas muito bom. Agora, creme de leite, TRICK CREAM DA MARCA CARNATION…quem diria…deve ser um dos únicos que não tentei!!!

  33. Drika

    23/fev/2010 at 02:46

    Vou abrir um mercado br ai em Toronto kkkk

  34. Magno

    05/fev/2010 at 16:21

    Resumindo a lista de produtos brasileiros em Toronto:

    – Pao de queijo, farofa, suco Maguary, bicoitos, cafe Pilao, bala 7Belo, trigo em grao, oleo dende, bombom garoto, etc -> O Nosso Talho
    – Mandioca fresca ou congelada -> NoFrills
    – Massa redonda pra pastel -> NoFrills (usada pra fazer empanada frita)
    – Pao frances, salgadinhos -> Padaria Novo Horizonte
    – Carne com cortes brasileiros -> O Nosso Talho
    – Creme de leite ou Thick Cream -> NoFrills (produto arabe)
    – Batata palha – NoFrills (marca furreca)
    – Leite condensado – NoFrills (varias marcas)
    – Caldo de cana – calcada da Spadina / Chinatown
    – Biscoito de leite / biscoito Maria -> NoFrills
    – Queijo Minas -> O Nosso Talho (Queijo fresco espanhol)
    – Goiabada -> O Nosso Talho
    – Jaca (jack), Goiaba (guava), Carambola(starfruit), etc -> Chinatown
    – Carne seca -> Compre uma peca grande, ‘abra’, salgue e deixe secar em casa. Nao precisa sol. Com o aquecedor ligado esta pronta em 5 dias. Yummy!
    – Biscoito Globo -> Acorda rapaz! Ja ta querendo demais…

  35. marcelo

    25/jan/2010 at 22:18

    Por favor, me diga onde achar linguica calabresa rsrs. Estou morando em Calgary e quero fazer uma feijoada, por isso preciso da linguica calabresa. Por favor me ajudem!!

  36. Katia

    24/jan/2010 at 23:31

    Parece que todos os brazucas tem as mesmas dificuldades em se adaptar no exterior, principalmente quando se trata em comida. Eu tenho o mesmo problema pois sempre que penso em fazer uma receita brasileira me vem a duvida…como se chama isso em ingles? onde posso comprar aquilo? o qual seria o substituto disso? A unica receita que consigo fazer sem problemas por enquanto eh o Strogonoff nada mais simples…shoyu, mostarda, catchup e creme de leite aqui no Canada eh chamado de TRICK CREAM DA MARCA CARNATION, vem numa latinha pequena como as latinhas de atum e o rotulo eh vermelho e branco. A batata palha tambem eh facil de achar. Ja pra fazer um bom feijao seja preto ou carioca sinto falta da linguica paio, da calabreza e da carne seca, a calabreza daqui nao eh a mesma, muito diferente no sabor e textura, paio que eh uma linguica portuguesa ainda nao achei nenhum mercadinho portugues e carne seca so se acha nos pacotes de sopa onde vem com mini pedacos minusculos, mas nem vem ao caso…rs Aqui na cidade onde moro tem um senhor paraguaio que tem uma lojinha que vende pisos de madeira e no escritorio dele ele tem alguns produtos importados do Brasil e Paraguai… la voce acha farofa pronta Yoki, Toddy, Suco de maracuja e caju da marca Jandaia, goiabada, pinga 51 e Velho Barreiro, chocolate Sonho de Valsa, Bis e Bombons Garoto, pacote de pao de queijo instantaneo( uma droga, passa longe de ser pao de queijo, nao cresce e eh super pesado)leite Moca, leite de coco Sococo, oleo de dende( sera que tem alguma baiana aqui na mesma cidade que compra dele pra fazer acaraje???) e ervas pra chimarrao… Conversando com esse senhor ele me disse que tem poucos brasileiros que vao a procura dos produtos dele, e como demora muito tempo pra esvaziar o estoque dele, entao os produtos acabam envelhecendo na prateleira. Ele cobra caro por sinal uma lata de leite moca sai 4 dolares canadences ou + ou – R$6,89 se no Brasil custasse isso a Nestle iria a falencia… Mas o que de vez enquando passo la pra comprar eh Guarana Antartica em pet de 2l, e caldo Knorr. O paozinho frances eh encontrado congelado ou como acompanhamento de alguns pratos de restaurante ou no Tim Hortons, se vc pede sopa ela vem acompanhada com um mini pao frances. Meu sonho eh abrir um cafe ou restaurante brasileiro aqui, o problema sera os igredientes que serao importados encarecendo os pratos… Alguem conhece algum restaurante brazuca em Vancouver ou regiao???
    Abraco pra todos os amigos brasileiros que deixaram aqui seus comentarios…

    • Lilica

      01/jun/2010 at 19:08

      Oi Kátia,
      Você já encontrou o restaurante brasileiro em Vancouver? Fica em Downtown, lá na 1122 Alberni Street. É meio escondido, a placa é pequena e você entra nele descendo uma escadaria. Eu ainda não comi lá.
      Na London drugs é possível encontrar bolachas brasileiras (biscoitos). Quando chega logo acaba, então você tem que perguntar no caixa que eles te falam se tem :-).
      Estou à procura de requeijão e queijo mineiro…

      • Fatima Gomes

        10/out/2011 at 19:23

        Ola, Lilica…. a churrascaria Brasileira em Vancouver, Alberni street, e maravilhosa, vale a pena tentar, se voce for durante a semana entre segunda e quinta almoco, sera mais em conta, nao tao caro, nos finais de semana e um pouco caro demais, para churrascaria.
        Espero que voce goste, quem sabe a gente se encontra por la, eu costume a ir ate la, nas sextas feiras no almoco, mas vou quando vou a Vancouver, isto e, uma vez por mes…. se voce quiser me envia e-mail, te darei outras dicas…. ok.. Fatima.

    • Isabel

      06/ago/2011 at 04:01

      Oi, Katia. Se voce mora na regiao de Vancouver, tem um mercado portugues na Commercial Drive onde voce pode comprar paio. Fica na Commercial, esquina com a 13th e chama Latin Supermarket. Tem tambem uma churrascaria brasileira (Samba steakhouse) na Alberni Street. Nunca fui, portanto nao sei se e boa, mas acho que vale a pena tentar, apesar de ser super caro.

  37. Anaine

    22/jan/2010 at 23:57

    Muito boa a matéria. Concordo que os mercados étnicos são uma excelente opção para encontrarmos coisas parecidas com a do Brasil. Recentemente encontrei no No Frills um queijo bem parecido com o de minas, o nome é spanish cheese e a etiqueta da embalagem é vermelha. Vc sabe como é o nome desse queijo árabe? Morro de saudade de comer requijão com biscoito cream cracker.
    Ainda não me aventurei a comprar mandioca, mas qualquer dia desse eu compro. Pra quem gosta de manteiga da terra uma boa opção é a manteiga indiana ghee… vc encontra em qualquer mercado indiano. Em mercado vietnamita se encontra pinha ou fruta-do-conde, goiabas, jaca e algumas outras frutas tropicais. No entanto, o preço é um absurdo.

  38. tony correia

    09/out/2009 at 20:26

    ola boa tarde e otimo tudo o que se fala aqui realmente mas eu estou em calgary pois estive em toronto muito tempo e dai me mudei pra ca e dai realmente tem menos gente que fala a nossa lingua e dai tem aqui uma loja com produtos do brazil e ate tem quem faca aqui muita COISA RELACIONAD COM COISAS QUE SE COMEM NO BRAZIL E NAO SO PRA QUEM QUIZER MAIS IMFORMACAO ME PODE MNADAR EMAIL E DAIO EU POSSO INDICAR AONDE PEGAR AS COIXINHAS E NAO SO MUITA COISA AQUI MESMO EM CALGARY E ARREDORES UM GRANDE ABRACO A TUDOS E ATE MAIS BY/

  39. Leandra

    06/out/2009 at 14:32

    Oi Rafael,
    Adoro cozinhar e passei por um monte de “micos” antes de entender o que era o que no supermercado.
    Muito legal vc ajudar com os nomes, se tivesse lido isto ha 8 anos atras talves eu tivesse passado menos sufoco.
    Pra quem esta em Toronto e bem mais tranquilo, mas pra nos que moramos no suburbio (Mississauga, Milton, Oakville…) temos que saber extamente o nome em ingles.
    So pra acrescentar, a mandioca aqui nos supermercados de Mississauga e chamada de “Yucca Root”.
    Valeu!

  40. thiagoonweb

    20/set/2009 at 09:24

    Gostei muito. Parabéns pelo post.

  41. Vicky

    04/set/2009 at 11:03

    Cara, so brasileiro tem a imaginacao e o humor que o acima!!!!!Como sofremos por nao encontrar um misero pastel nesta cidade imensa!
    Qdo. vou ao Brasil desembarco em Guarulhos e vou diretinho pra lanchonete (que nao eh nenhuma BrastemP) pra comer uma coxinha e outras “inhas” que posso encontrar. E pensar que qdo. morava no Brasil nao me incomodava nem um pouco, e comia sem pensar no “amanha”, que agora chegou e me vi sem essas gostosuras brasileiras…..

    Anyway, nem tudo eh perfeito, amo Toronto e como donuts para compensar.

    Abracos brasileiros…………

  42. andre

    02/set/2009 at 14:27

    pessoal, seus problemas com a culinária brasileira estão com os dias contados…
    Estou fazendo meu TCC sobre abrir uma rede de padarias com comidas típicas brasileiras, e minha cidade modelo é Vancouver..morei la no começo do ano e fui para Toronto tambem.
    gostaria da opiniao de todos sobre o negócio…
    meu e-mail eh [email protected]

  43. Hanaa

    10/ago/2009 at 21:00

    gentem..que tristeza q eh isso…aki em edmmonton eu havia encontrado uma mulher q faz coxinhas ao estilo brasileiro mesmo…(ela eh brasileira eh claro) e com a venda delas estava juntando uma grana pra abrir um orfanato no brasil..o numero do telefone dela estava colado na padaria portuguesa…eu liguei do meu cel pra ter ctza e saber como eh…so q….eu nao salvei o numero///voltei desesperada depois de alguna dias a padaria pra pegar o numero de novo e algum preguicoso q nao podia marcar no seu cel acabou arrancando o papel..fiquei sem chao pq estou gravida e estou com mta vontade…tentei fazer ,mas eh complicado///alguem ja ouviu falar dela?
    O nome dela acho q eh Jeny,Jane…nao me lembro!!!!
    se alguem souber,plz me avisem..viver aki sem coxinha eh complicadoo!!!
    bjus

  44. Isabael

    14/jul/2009 at 00:24

    Oi
    gostaria de vender meu produto no exterior
    tabua para bolo, em medf revestido
    vc. pode me dar alguma dica?
    grata
    Isabel

  45. Rafael Alcântara

    09/jul/2009 at 00:14

    OI Julie,
    Eu adoro Chinatown também e postei na minha coluna como as vezes encontramos coisas semelhantes com a do Brasil. Aqui também tem caldo de cana no verão só tenho saudades mesmo do pastel… você já experimentou o caldo de cana? Eu ainda não tive coragem. Eu adoro esses supermecados orientais e como principalmente frutos do mar porque têm um bom preço.

    Em relaçao a farinha eu recentemente me apaixonei com a farinha de amendoas… nossa como os bolos ficam deliciosos e as massas de tortas também. E é ótimo parar quem tem intolerância a glútem.

    Adorei as suas dicar. Obrigado!

  46. Julie

    01/jul/2009 at 23:23

    Oi:

    Eu moro em Vancouver, BC. Mais dificil de encontrar as coisas brasileiras.
    Para vazer o pao de queijo, use o “tapioca flour”; é a mesma coisa que a farinha de mandioca. Voce pode comprar no Canadian Superstore, no corredor das coisas Chinesa/Indiano. Ou pode se comprar nas lojas em “Chinatown”. Os orientais usam a farinha de mandioca para fazer bolos e outras confecçoes também. Eu ja usei o tapioca flour para fazer os paes de queijo.
    E caldo de cana, os orientais adoram essas coisas – eu sou Brasileira de pais Chineses. Vai em um shopping chines – perto de Toronto de um monte – em Scarborough, Markham, and Richmond Hill – esses lugares que os orientais tao concentrado; eles vendem “bubble tea” (suquinho com sagu) and sucos naturais on Food Court; muitas vezes eles tem caldo de cana fresquinho. Mais caro que no Brasil; aqui em Vancouver, nesses lugares custam $3.50 – $4.00 por copo.
    Aqui ta o website dos shopping chineses in Toronto area:
    http://www.geocities.com/cplarosa/toronto/malls.htm
    :)

    • Christian Pedersen

      02/jul/2009 at 10:28

      Oi Julie,
      Obrigado pelas dicas.

      • Ana

        20/dez/2010 at 21:06

        Encontrei batata palha yoki no Honest Ed`s (bloor & bathrust).

        Alguem sabe onde tem guarana antartica?
        De preferencia de latinha?!!!

        • Carla

          08/jan/2012 at 18:03

          … tem guarana pra vender na loja portuguesa Nosso Talho at bloor and ossington…. alem de outros produtos brasileiro tbem, vale a pena conferir.

  47. SORAIA

    27/abr/2009 at 17:44

    Gostei de ver, um expert em culinária, ainda mais agora…. E o q é bom (pelo menos pra mim) escrita em excelente português (não esqueceu o nosso idioma). Só agora q pude ler com calma a sua página – adorei! e com dicas pra todo mundo. F A N T Á S T I C O!!!
    Boa sorte!
    Um grande bj.

  48. Raúl López.

    25/abr/2009 at 01:56

    Rafaelcinho,
    Adorei suo artigo! Parabéns amigo!! vocé sabe uma coisa? Eu aprendi muitas palavras em português com ele. Muito interesante. Além disso acho que vocë está muito certo… acho que a messma coisa acontece com os produtos mexicanos ai no Toronto. Mesmo, vocës tem mais variedade que nos os mexicanos… Amigo muitas saudades de vocë e estou muito orgulhoso de suo acrecemento no arte culinario. Até mais e muito obrigado por enviar-me esse artigo. =)

  49. Deyse

    19/abr/2009 at 19:25

    Rafa! que coluna interessante, e você sabe escrever tão bem como ninguém! para quem esta longe do Brasil, é tão bom ter “dicas” da nossa cozinha tão simples e deliciosa! quero participar sempre! Beijos e Boa Sorte!
    Você é demais…

  50. Ro

    19/abr/2009 at 17:16

    Querido,
    Eu consigo te ver falando!!!! hahahahahahaha A coluna esta barbara! Peco desculpas por nao ter escrito antes! Vou procurar acompanhar sempre! Altas dicas! A gente precisa de voce aqui em Edmonton para essas escavacoes e trilhas culinarias! Quem sabe assim, a oferta aumenta e a gente nao fica tao carente dos nossos quitutes!
    Saudade SEMPRE, meu irmao emprestado!
    Ro

  51. Gustavo

    17/abr/2009 at 21:18

    Arrasou, nem! Sensacional seu artigo! Pena que as dicas de onde comprar o que nao me servem mais por eu nao morar mais em Toronto! Mas voce acredita que aqui em Edmonton se vende Catupiry daquele redondo E de copo na loja de uma brasileira?
    Beijos

    • Eduardo

      10/fev/2015 at 00:30

      Se puder, mande o contato desta pessoa ou da loja, por favor.
      Email, telefone, endereço…. Obrigado,

  52. Paulo Mello

    17/abr/2009 at 09:14

    Rafael,

    Você está novamente de parabéns pelo artigo. É bom ter notícias suas. A Andréa falou que vc. vem ao Brasil? Lembre-se que lá em casa vc. não precisa de convite.
    Um grande abraço,
    PM

  53. Sandra Brown

    16/abr/2009 at 20:21

    Rafael,parabens pela suas dicas elas sao realmente otimas entretanto nao tenho esse problema de nao encotrar os ingredientes aqui onde morro. Como uma dica ja que voce disse que ai tem alguns etnicos supermercados, tenta ir no arabic supermercado o requeijao cremoso deles e melhor do que do Brasil, na minha opiniao. beijos

  54. Carol

    15/abr/2009 at 22:31

    Adorei esta matéria…
    Excelentes dicas…!!

  55. Matheus

    15/abr/2009 at 21:28

    Eu achei requeijao !!!!
    Loja de conveniencia dos Ethiopes aqui em frente de casa… bloor and ossington.
    Mesma texture que a do Brasil, eh daquele tipo cremoso bem gostoso.

    Mto bom, mas custa 6 dolares e vem naqueles copinhos que pobre insiste em reaproveitar no Brasil pra receber visitas. Eu msm fazia isso, agora eu nao reaproveito mais, n pq melhorei de vida mas pq vim ser pobre em outro pais. Copo do dollarama eh o alternativo.

  56. Helio Eudoro

    15/abr/2009 at 20:02

    Sobre o bolinho de bacalhau, deve estar se refendo a “Europa”, Danforth/Pape… é ruim mesmo, mas tem uns paes bem bons

  57. Regina Fundão de Faria

    15/abr/2009 at 17:21

    Rafa,
    A sua coluna está demais e muito criativa!!! Se eu morasse por aí (ou no exterior), essas dicas seriam de fundamental importância para mim que sou apaixonada pela comida brasileira.
    Quando é que vc vem fazer uma dessas delícias de pratos que vc arruma por aí aqui no Brasil?
    Parabéns por sua coluna, amei!
    Gde beijo e sucesso

  58. Fernanda Thiesen

    15/abr/2009 at 14:21

    Poxa, a Carol poderia vender queijo minas e requeijão aqui em Toronto! Eu seria a primeira cliente da fila! :)

  59. Carol

    15/abr/2009 at 10:15

    Rafael,

    Parabéns pela coluna, e adorei este texto! Tem tudo a ver com o que a gente já passou e sentiu aqui (gastronomicamente falando) nestes dois anos. Algumas coisas têm equivalentes excelentes; outras dão um trabalhão e não ficam nem parecidas (caso das carnes).

    Ainda não fiz farofa. No Bulk Barn, lugar que eu adoro explorar (sempre tenho boas surpresas), vi que tem uma farinha de milho grossinha. Já pensei em tentar fazer farofa com ela. Outra coisa que ainda não fiz foi pão de queijo. Tenho uma receita ótima mas eu, pessoalmente, ainda não fiz. Com certeza se eu fizer e der certo vou publicar no meu blog, aí fique à vontade para aperfeiçoar :)

    “Cassava” é fácil de achar fresca, o que abre mil possibilidades: purê de mandioca, bolo, escondidinho… humm! Também já comprei “plantain” (banana-da-terra) e fiz picadinho à moda brasileira, com direito a banana frita e ovo estrelado por cima.

    Engraçado: o que eu mais festejei no seu texto foi a dica da marca de batata palha. Faço muito salpicão e já tinha desistido da dita cuja! Todas as que eu comprei são grossas demais, uns tarugões, e invariavelmente com um gosto artificial forte de bacon ou sei lá o quê que não combina com salpicão. Vou procurar essa Herrs.

    Nescau: em lojas latinas (até em chinesas eu já vi), é só procurar Nesquik, que é o Nescau do resto da América Latina. Eu sou argentina e lá sempre tomei Nesquik. É a mesma coisa, ou quase quase.

    No Metro, na seção a granel (tem um Metro enorme onde eu moro) tem uma meia dúzia de variedades de bombons da Garoto, inclusive Serenata de Amor. Mas nunca comprei; confesso que não tenho saudade de Garoto.

    Danoninho e queijo minas dá para fazer caseiro. Eu morro de preguiça de fazer, mas meus pais fazem regularmente no interior do RJ (além de ricota, manteiga e requeijão). Procura “cheesemaker supplies” na internet que você acha vários fornecedores dos kits necessários (os diferentes coalhos e ácidos, além das formas). É só usar leite integral. Em dois dias você tem um autêntico queijo minas em casa. Se um dia a saudade bater forte demais, vou investir nisso aí (até porque já fiz na casa dos meus pais e conheço o método).

    Kibe de forno eu faço um alucinantemente bom. Aliás, acho até que você já provou, não foi? ;)

    Agora YAKULT?!?!?!? Nãaaaaaooo!!! Vou ter pesadelos esta noite!! :(

    Abração!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Paladar

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Topo