Siga-nos

OiCanadá

Notícias

Canadá o 5º país mais feliz do mundo

Relatório divulgado nesta quinta-feira (23) coloca o Canadá na quinta posição entre 158 países do mundo no quesito felicidade. O World Happiness Report chega à sua terceira edição, no último ranking o país estava em sexto. Ou seja, estão ficando mais felizes ainda.

Os principais fatores levados em consideração na pesquisa são: expectativa de vida, percepção de corrupção, generosidade das pessoas, liberdade de escolhas, impostos per capita. Segundo John Helliwell da Universidade de British Columbia, um dos objetivos do relatório “é estimular governos ao redor do mundo a buscar o bem-estar do povo em primeiro lugar, assim esses países se tornam mais resilientes a crises sociais e econômicas”, afirma.

Quem tem sido feliz nesta busca é a Suíça, o país mais feliz do mundo. Depois vem Islândia, Dinamarca, Noruega e então o Canadá. Entre os mais infelizes: Togo, Burundi e Síria – o top 3 da tristeza. Indo mais a fundo na busca da felicidade, uma outra pesquisa mostra as cidades mais felizes do Canadá, as quais: Saguenay, Trois-Rivières e St. John’s.

Para deixar você mais feliz ainda (ou não), o Brasil está em 16º lugar, antes estava em 24º. Sabe quem está em 15º? Os Estados Unidos. Sabe quem está abaixo do Brasil? Inglaterra (21º), Alemanha (26º) e França (29º). Como diria o gênio Albert Einstein: “A felicidade não se resume na ausência de problemas, mas sim na capacidade de lidar com eles”, nisso somos craques. Mas, os canadenses estão um pouco mais felizes por aqui.

Caso queira aumentar a sua felicidade lendo o relatório, clique aqui.

Pablo Marcelo

Paulistano de berço (São Paulo), Filósofo de formação (Unicamp), Blogueiro dedicado (Blog Numa Fria), Descobridor de Toronto em família (2014).

2 Comentários

2 Comments

  1. Marlene Mendes

    26/abr/2015 at 04:24

    A matéria é muito boa eu adorei ,e por demais pretendo terminar meus estudos no Canada no próximo ano,espero ser muito feliz enquanto viver la.

  2. Marlene Mendes

    26/abr/2015 at 04:19

    concordo com o Josivaldo o importante não é a cidade o que importa é a qualidade de vida ou seja, que os governantes se preocupem com o bem estar da população,combatendo a fome e a violência isto sim torna as pessoas mais felizes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Notícias

Posts Populares

Topo