Siga-nos

OiCanadá

Notícias

No Canadá, a previsão é de frio bravo até março

Depois de uma fase de temperaturas acima do normal, o termômetro despencou radicalmente, obrigando o governo a disparar alertas de frio extremo em praticamente todas as províncias canadenses.

Os meteorologistas dizem que haverá uma pequena trégua, mas avisam que é melhor se acostumar rapidamente porque daqui até março o frio bravo deve imperar na maior parte do Canadá.

O grande culpado desse quadro é a massa de ar frio que vem do ártico e que traz uma pitada de vento que serve para multiplicar o efeito da baixa temperatura, deixando todo mundo com a sensação térmica de um freezer particular. E a coisa é ainda pior à noite, quando os especialistas acreditam que chegaremos a menos 35 na região do sudoeste de Ontário, onde se encontra Toronto.

Nestas condições, é preciso redobrar os cuidados com crianças pequenas, gente de idade, portadores de doenças crônicas e pessoas que trabalham ou se exercitam ao ar livre, pois há um elevado risco de frostbite e hipotermia.

As frostbites podem acontecer com poucos minutos de exposição da pele, em especial quando o vento está presente e, nos casos mais sérios, pode chegar até à perda de dedos, ponta do nariz ou orelha — ou seja, é coisa para ser levada muito a sério!

Outra dica importante: se está frio demais para você, tenha certeza de que também está frio demais para o seu pet. Não exponha seu bichinho de estimação a este tipo de temperatura.

Dicas para se proteger

Para se proteger, vista-se de maneira adequada, com várias camadas de roupa, e evite a exposição desnecessária ao frio. Comece com uma legging e blusa justa, bem assentada ao corpo, mas que seja confortável e não restrinja seus movimentos.

Use uma calça comum, blusa ou camisa por cima da primeira camada e, depois, uma jaqueta de fleece, blusa de lã ou algo semelhante. Dependendo das condições e da atividade planejada, adicione um casaco à prova de água e vento e uma calça de neve. E, por cima de tudo, use ainda um casaco adequado de frio.

É importante também não descuidar das extremidades: pés, mãos e cabeça. Use meias mais grossas (às vezes até sobre uma meia comum) e tenha pelo menos um bom par de botas impermeável e com bom isolamento. E, ao comprar itens para o inverno, invista um pouco mais para garantir a qualidade do produto. Vendedores de lojas especializadas podem explicar qual material é o mais adequado para cada temperatura. Leve a sério as dicas que eles dão.

Para as mãos, ataque de novo com a estratégia das camadas, colocando uma luva mais fina e justa por baixo de uma luva mais grossa e à prova de água e vento. Fique de olho ainda para que o modelo cubra a sua pele até bem além do pulso.

Para o rosto, comece com uma touca que sirva de fato para o diâmetro da sua cabeça e, se a coisa apertar, tenha na mochila uma balaclava e um protetor especial para o pescoço (conhecido como neck gaiter). Ah, e não se esqueça de um cachecol longo, capaz de dar algumas voltas no seu pescoço.

Para quem vai esquiar ou praticar outras atividades da neve, é necessário também usar um óculos de sol.


Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais em: Notícias

Receba as novidades do blog por email

Digite seus dados abaixo para assinar nosso boletim e receber todas as novidades do blog em sua caixa postal. É de graça e você pode se descadastrar a qualquer momento.
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Topo